Ex-presidente do Real Madrid é preso por tráfico de arte--mídia

quarta-feira, 11 de novembro de 2009 20:18 BRST
 

MADRI (Reuters) - O ex-presidente do Real Madrid Lorenzo Sanz foi detido nesta quarta-feira em sua casa de Madri por agentes da Brigada de Patrimônio Histórico por um caso relacionado à exportação ilegal de obras de arte, informou a mídia.

A Direção Geral da Polícia não confirmou a informação.

Lorenzo foi libertado durante a noite depois de prestar declarações em uma delegacia da capital, disse a TVE.

O conhecido empresário foi acusado de contrabando de bens culturais e de associação ilícita, disse a edição on-line do jornal El País.

Segundo a notícia, que cita fontes do caso, os delitos se produziram com o pagamento de 7,5 milhões de euros em quadros de pintores famosos para comprar o clube de futebol italiano Parma em agosto de 2005.

Sanz foi presidente do Real Madrid entre 1995 e 2000.