Tevez pensa em se aposentar depois da Copa de 2010

sexta-feira, 13 de novembro de 2009 19:47 BRST
 

BUENOS AIRES (Reuters) - A decepção por perder seu lugar de titular na seleção da Argentina e o cansaço levaram Carlos Tevez a considerar a aposentadoria após a próxima Copa do Mundo, apesar de ter apenas 25 anos, geralmente o melhor momento na carreira de um jogador de futebol.

"Minha chance passou. Eu tive minha possibilidade e não tirei proveito disso. Quando a equipe precisou de gols, não pude marcá-los", disse Tevez a jornalistas.

"Então é lógico que os outros rapazes devem ficar à minha frente", acrescentou, sobre jogadores como Gonzalo Higuaín, agora a primeira escolha do técnico argentino Diego Maradona como atacante da seleção.

Tevez, falando à imprensa argentina em Madri, onde a seleção de Maradona enfrenta a Espanha em amistoso no sábado, disse que a possibilidade de aposentadoria passou por sua cabeça.

"É complicado, tem a minha família, o desejo de voltar ao Boca Juniores, mas penso sobre isso (aposentadoria). Isso passa pela minha cabeça, pendurar as chuteiras se vencermos a Copa do Mundo, embora eu tenha um contrato (com o Manchester City) até 2014", disse.

"Estou um pouco cansado de tanto futebol, tanto futebol. Quero aproveitar minha família um pouco. Estou muito interessado em parar e ter um pouco de tranquilidade. Viver para o futebol me saturou", disse.

Tevez foi nomeado o melhor jogador da América do Sul por três anos seguidos e conquistou a Copa Libertadores e o título mundial de clubes com o Boca em 2003. Pelo Corinthians, em 2005, assegurou o Campeonato Brasileiro e, no ano anterior, a medalha de ouro olímpica com a Argentina.

(Reportagem de Rex Gowar)

 
<p>Atacante argentino Carlos Tevez, em foto de arquivo, pensa em se aposentar depois da Copa de 2010. REUTERS/Enrique Marcarian</p>