Djokovic "perfeito" vence Nadal e agora enfrenta Monfils

sábado, 14 de novembro de 2009 17:18 BRST
 

Por Patrick Vignal

PARIS (Reuters) - O sérvio Novak Djokovic exaltou seu desempenho "perfeito" depois de despachar tranquilamente o número dois do mundo Rafael Nadal por 6-2 e 6-3 para chegar à final do Masters de Paris e enfrentar Gael Monfils, a esperança francesa.

Número três do mundo, Djokovic, que já havia batido Roger Federer na Basileia na semana passada, aumentou sua sequência de ótimos jogos e é o favorito na final contra Monfils, já que bateu o francês nas três últimas vezes em que os dois se enfrentaram.

Monfils deleitou os 14.000 torcedores que se apertavam em Bercy ao bater o tcheco Radek Stepanek, 13o do mundo, por 6-4, 5-7 e 6-4 na outra semifinal, que foi muito mais disputada e sofrida que a primeira.

"Não há muito a falar sobre o desempenho de hoje, talvez dizer que foi perfeito... exatamente como eu gostaria", disse Djokovic.

"Eu estava batendo bolas vencedoras de todos os cantos da quadra e querendo prolongar o bom momento durante a partida toda", acrescentou ele, resumindo aquele que foi um desempenho espetacular.

Djokovic jogará sua quinta final no ano e buscar o primeiro título de Masters 1000 na temporada, enquanto Monfils estará pela primeira vez em uma final da série de eventos mais importante do tênis depois dos grand slams.

O espanhol Nadal, que não conquista um título desde que bateu Djokovic na final do Masters de Roma em maio último, parecia perdido, e agora se prepara para a Copa do Mundo, que acontecerá de 22 a 29 de novembro em Londres e reunirá os oito melhores tenistas do mundo.

INACREDITÁVEL   Continuação...