Pacquiao vence e impede 7o título mundial de boxe de Cotto

domingo, 15 de novembro de 2009 14:56 BRST
 

LAS VEGAS, Estados Unidos (Reuters) - Manny Pacquiao tornou-se o primeiro pugilista a conquistar títulos mundiais em faixas de peso diferentes depois de superar no sábado o porto-riquenho Miguel Cotto pelo cinturão da Organização Mundial de Boxe.

O filipino peso meio-médio derrubou seu oponente aos 55 segundos do 12 e último round da disputa no MGM Grand Garden Arena e impediu que ele conquistasse o sétimo título mundial.

Pacquiao levou seu rival ao chão duas vezes antes de o juiz Kenny Bayless encerrar o combate, em meio a uma sequência de golpes do novo campeão contra Cotto, que estava preso às cordas.

"Nosso plano era não ter pressa e usar o tempo necessário", disse Pacquiao depois do combate."Não entramos em pânico. Só precisávamos de tempo para testar a potência dele. E conforme a luta seguia, eu estava buscando derrubá-lo com um soco apenas."

Orgulho das Filipinas, país que nunca teve um lutador acima da categoria leve, ele sobreviveu ao ataque inicial de Cotto e acabou dominando graças à sua velocidade e potência surpreendentes.

O lutador de 30 anos dominou as estatísticas do combate, acertando 336 dos 780 golpes que deu. Cotto concluiu 172 de 597.

"Manny ditou o ritmo da luta, que deveria ter acabado três rounds antes," disse o treinador de Pacquiao, Fredie Roach.

Cotto, que sofreu um corte acima do olho direito e viu seu nariz sangrar após os golpes de Pacquiao, disse: "Manny é um dos melhores pugilistas que já enfrentei.

"Não sabia de onde os golpes estavam vindo."   Continuação...