Federer enfrentará Del Potro na fase de grupos da Copa do Mundo

quarta-feira, 18 de novembro de 2009 12:05 BRST
 

Por Martyn Herman

LONDRES (Reuters) - O tenista número 1 do mundo, Roger Federer, enfrentará seu algoz na final do Aberto dos EUA, Juan Martin Del Potro, na fase de grupos da Copa do Mundo de tênis em Londres, após ser sorteado numa chave difícil para o torneio final da temporada.

O suíço, que ainda não garantiu o posto de número 1 do mundo para o final da temporada, também enfrentará o britânico Andy Murray e o espanhol Fernando Verdasco no Grupo A da competição.

Rafael Nadal, que não participou da edição do ano passado da Copa do Mundo em Xangai, parece ter ficado com a chave mais fácil na sua tentativa de superar Federer e fechar o ano no topo do ranking.

O espanhol, que superou Federer na final do Aberto da Austrália, enfrentará o sérvio e terceiro colocado no ranking, Novak Djokovic, o russo Nikolay Davydenko e o sueco Robin Soderling, que pôs fim ao reinado de Nadal no Aberto da França deste ano.

Soderling, derrotado na final do Grand Slam francês por Federer, substituiu o norte-americano Andy Roddick, que desistiu de disputar o torneio na terça-feira por conta de uma lesão no joelho.

Del Potro surpreendeu Federer ao derrotá-lo na final do Aberto dos EUA em setembro, evitando que o suíço conquistasse o título em Flushing Meadows pela sexta vez seguida. O confronto entre ambos promete, assim como a revanche entre Nadal e Soderling.

A Copa do Mundo de Londres dará 1 milhão de libras (1,68 milhão de dólares) a um eventual campeão invicto, valor maior do que as 850 mil libras dadas a Federer por vencer Wimbledon este ano.

Londres inicia um período de cinco anos como sede da Copa do Mundo de tênis, e mais de 255 mil ingressos já foram vendidos para os oito dias de evento.

 
<p>Foto de arquivo do tenista n&uacute;mero 1 do mundo, Roger Federer. O su&iacute;&ccedil;o enfrentar&aacute; seu algoz na final do Aberto dos EUA, Juan Martin Del Potro, na fase de grupos da Copa do Mundo de t&ecirc;nis em Londres, ap&oacute;s ser sorteado numa chave dif&iacute;cil para o torneio final da temporada. REUTERS/Christian Hartmann</p>