Mancini diz que aceitaria treinar Nigéria após sondagem

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009 15:23 BRST
 

ROMA (Reuters) - O ex-técnico da Inter de Milão Roberto Mancini está disposto a assumir o cargo de técnico da Nigéria após receber uma sondagem não oficial.

"Fui perguntado de forma não oficial sobre a minha disposição para assumir e disse que eu tinha vontade porque o prospecto da Copa Africana de Nações e da Copa do Mundo são um grande apelo", disse Mancini ao jornal La Gazzetta dello Sport desta sexta-feira.

"A Nigéria é rica em excelentes jogadores que não são muito conhecidos. Se eles realmente me quiserem, eu vou sentar e negociar."

Há grande especulação na Nigéria sobre a possível contratação de um técnico estrangeiro para comandar a equipe no Mundial, após a complicada campanha nas eliminatórias africanas sob comando do técnico local Shaibu Amodu.

Mancini não trabalha como treinador desde quando foi demitido pela Inter em maio de 2008, após levar o time a três títulos italianos consecutivos.

Ele disse que optou por ficar um ano afastado após a demissão, acrescentando que "desde julho a decisão de descansar não é mais minha."

O treinador disse ainda que também estaria interessado no cargo de técnico da Itália caso Marcello Lippi deixar a seleção após a Copa do Mundo.

(Reportagem de Paul Virgo)