F1 muda sistema para dar pontos a 10 pilotos por corrida

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 15:29 BRST
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - A Fórmula 1 aprovou nesta sexta-feira um novo sistema de pontuação ampliado que vai incluir 10 pilotos por prova na temporada de 2010, que vai começar e terminar no Oriente Médio com 19 etapas.

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) disse que seu conselho concordou em introduzir um novo sistema que vai recompensar os vencedores das corridas com 25 pontos, em vez dos 10 pontos do atual sistema.

A mudança, que entra em vigor após a expansão do grid para 13 equipes em vez de 10, não teria alterado o resultado da temporada passada, vencida pelo piloto britânico da Brawn GP Jenson Button, mas teria dado pontos a alguns pilotos que não conseguiram marcar.

"Essa é uma grande ideia", disse Button, que recebe nesta sexta-feira seu troféu de campeão mundial num jantar de gala em Mônaco, à rádio BBC. "É bom ter uma vantagem de cinco pontos do vencedor para o segundo colocado. Isso é importante porque todos nós gostamos de vencer as corridas. Eu venci seis vezes este ano e tive só dois pontos de vantagem (para o segundo colocado de cada corrida)."

Sob o novo sistema, acertado pelos donos das equipes antes de ser apresentado à FIA, o segundo colocado de cada prova vai somar 20 pontos, e o terceiro, 15. Os outros serão pontuados na sequência 10-8-6-5-3-2-1.

O atual formato pontua os oito primeiro colocados na sequência 10-8-6-5-4-3-2-1, mas foi criticado por não dar uma boa vantagem ao vencedor.

A próxima temporada vai começar no dia 14 de março no Barein e terminar em 14 de novembro em Abu Dhabi, que estreou este ano no calendário também fechando o campeonato.

Um calendário provisório tinha colocado Abu Dhabi como penúltima prova do calendário, antes do Brasil, mas a FIA decidiu dar à capital dos Emirados Árabes Unidos a prova de encerramento da temporada, após a corrida em Interlagos no dia 7 de novembro.

(Reportagem adicional de Mitch Phillips e Tom Pilcher)