Presidente da Nike expressa apoio a Tiger Woods, diz publicação

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009 14:40 BRST
 

CHICAGO (Reuters) - O presidente e co-fundador da Nike, Phil Knight, disse que o escândalo em torno de Tiger Woods é "parte do jogo" na assinatura de contratos de publicidade com atletas e não abriu mão da relação da fabricante de roupas e sapatos esportivos com o jogador de golfe.

Woods, de 33 anos, admitiu "infidelidade" no casamento com sua mulher, a sueca Elin Nordegren, à medida que acusações de múltiplos affairs fora do casamento estremeceram a vida e a carreira dele.

Knight disse ao Street & Smith's SportsBusiness Journal que a Nike verificou os antecedentes de Woods antes de assinar o contrato com o jogador e ele tinha a "ficha limpa".

Os comentários de Knight foram publicados após o anúncio-surpresa feito por Woods na sexta-feira de que faria uma "pausa por tempo indefinido" do golfe profissional.

Knight afirmou que as empresas nem sempre conseguem checar corretamente o histórico e "sempre há um risco". No entanto, ele não sinalizou nenhuma medida para afastar Woods da Nike, que construiu seu negócio no golfe global com base na reputação e no desempenho esportivo de Woods.

"Acho que ele tem sido ótimo", disse Knight na entrevista publicada na segunda-feira. "Quando a carreira dele terminar, você perceberá essas imprudências como um abalo menor, mas a mídia está fazendo um grande alarde sobre isso agora."

Outros patrocinadores se afastaram de Woods.

No domingo, a empresa de consultoria em tecnologia Accenture Plc encerrou seu contrato de publicidade com Woods, um dia depois de a Gillette, da Procter & Gamble's, dizer que limitaria o uso de Woods no marketing dela. A AT&T Inc disse estar avaliando a relação.

Estima-se que Woods, o primeiro atleta bilionário do mundo, ganhe cerca de 100 milhões de dólares por ano em contratos de publicidade.

Entre os seus outros patrocinadores estão PepsiCo Inc's Gatorade, Electronic Arts Inc, TLC Vision Corp, Upper Deck, Berkshire Hathaway Inc's NetJets e Tag Heuer.

(Reportagem de Ben Klayman)

 
<p>Foto de arquivo de Tiger Woods durante evento em Orlando em mar&ccedil;o de 2008.Presidente da Nike expressa apoio a Tiger Woods, diz publica&ccedil;&atilde;o. REUTERS/Hans Deryk</p>