23 de Dezembro de 2009 / às 13:20 / 8 anos atrás

SAIBA MAIS-Michael Schumacher volta às pistas pela Mercedes

(Reuters) - O heptacampeão mundial de Fórmula 1 Michael Schumacher anunciou na quarta-feira que voltará à categoria pela equipe Mercedes. A seguir, mais informações sobre o piloto mais vitorioso de todos os tempos:

<p>O heptacampe&atilde;o mundial de F&oacute;rmula 1 Michael Schumacher anunciou quarta-feira sua contrata&ccedil;&atilde;o pela equipe da Mercedes. REUTERS/Mercedes GP/Handout</p>

- Nasceu em 3 de janeiro de 1969 em Huerth-Hermuelheim, na Alemanha.

PRIMEIRO GP

- A primeira prova na F1 foi na Bélgica, em 1991, pela equipe Jordan, como substituto do belga Bertrand Gachot, que estava preso. Schumacher completou apenas 500 metros da corrida, mas causou boa impressão.

- Depois da estreia, foi contratado pela Benetton, o que provocou uma acirrada polêmica jurídica. Ele marcou pontos já na sua segunda corrida, com um quinto lugar na Itália.

- O primeiro pódio veio em 1992, no México, e a primeira vitória ocorreu no mesmo ano, na Bélgica. A primeira pole position, no entanto, só viria em 1994, em Mônaco.

- O primeiro título ocorreria já em 1994, com o bicampeonato em 1995, ainda pela Benetton. Com a Ferrari, ele venceria todos os mundiais de 2000 a 2004.

- Aposentou-se ao final da temporada de 2006.

POLÊMICAS

- A brilhante carreira de Schumacher também foi marcada por polêmicas. Em 1994, ele venceu o título ao bater no rival Damon Hill; na decisão de 1997, ele havia tentado tirar o canadense Jacques Villeneuve da pista.

- No treino classificatório para o GP de Mônaco de 2006, Schumacher parou o carro no fim do circuito, bloqueando parcialmente a passagem de Fernando Alonso, com quem disputava o título e que fazia sua tomada oficial de tempo. Por causa da manobra, Schumacher teve de começar aquela prova no fundo do grid.

RECORDES

- Schumacher detém vários recordes da F1, inclusive no número de títulos - sete.

- Em 2002, foi ao pódio em todas as provas e conquistou o título com seis corridas de antecedência - outro recorde.

- Em 2004, com domínio da Ferrari, ele ganhou 13 corridas, sendo sete consecutivas.

- Schumacher é também recordista absoluto em número de vitórias - 91, apenas uma a menos que a soma dos dois pilotos que vêm logo a seguir: Alain Prost (51 vitórias) e Ayrton Senna

(41).

VOLTA À F1

- Em julho, Schumacher havia aceitado sair da aposentadoria para ocupar a vaga deixada temporariamente na Ferrari por Felipe Massa, vítima de um acidente no GP da Hungria. Ele desistiu da ideia por causa de dores no pescoço, decorrentes de um acidente de moto em fevereiro.

Compilado por Alan Baldwin e Dave Cutler

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below