Adlington tira lições de ano ruim para voltar a fazer sucesso

domingo, 27 de dezembro de 2009 10:57 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A nadadora britânica bicampeã olímpica Rebecca Adlington disse que está determinada a melhorar seu desempenho em 2010, após uma queda de rendimento depois dos triunfos na Olimpíada de Pequim, em 2008.

"Pequim pode se tornar a melhor semana de toda a minha vida, mas eu odiaria pensar que tudo só piorou a partir dos 19 anos", afirmou neste domingo a britânica ao jornal The Mail.

"Não quero ser um prodígio de um feito só. Sempre vou lembrar 2009. Sempre vou recordar como foi não nadar bem. Nunca esquecerei esses sentimentos. Nunca deixarei isso acontecer novamente."

Adlington foi campeã olímpica dos 400 e 800 m livre em Pequim, mas ficou apenas na terceira colocação nos 400 m e na quarta posição nos 800 m no Mundial de Roma, em julho.

A britânica chegou a reclamar publicamente dos agora proibidos maiôs tecnológicos, chamando-os de "doping tecnológico" e recusou-se a usá-los.

"Nunca saberemos a diferença que os maiôs fizeram em Roma. O que sei é que nadei os 800 m três segundos mais lenta do que no ano anterior", afirmou.

Adlington afirmou que passou boa parte do segundo semestre de 2008 curtindo os ouros obtidos em Pequim, enquanto as adversárias estavam treinando.

"Pode ter sido até minha última Olimpíada, então seria uma pena não curti-la ao máximo. Mas isso tem um preço. Eu não treinei muito e descobri isso em Roma. Eu aprendi muito mais com as derrotas de 2009 do que com as vitórias de 2008", completou.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
<p>A nadadora brit&acirc;nica bicampe&atilde; ol&iacute;mpica Rebecca Adlington disse que est&aacute; determinada a melhorar seu desempenho em 2010, ap&oacute;s uma queda de rendimento depois dos triunfos na Olimp&iacute;ada de Pequim, em 2008.REUTERS/Russell Cheyne</p>