Schumacher mostra velocidade em último dia de teste da GP2

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 19:12 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Michael Schumacher mostrou aos 41 anos que ainda continua veloz ao conseguir ótimos tempos de volta em seu último dia de testes com um carro de desenvolvimento da GP2 em Jerez, no sul da Espanha, antes de retornar à Fórmula 1.

Os organizadores da principal categoria de acesso à F1 disseram que o alemão, heptacampeão mundial de F1, que vai correr pela equipe Mercedes nesta temporada depois de ter se aposentado da Ferrari, completou sua melhor volta em 1min24s621, em um teste particular.

O tempo foi apenas 0s4 mais lento que o recorde da pista na GP2, de 1min24s262, marcado pelo japonês Kamui Kobayashi em 2008.

De acordo com o site do circuito de Jerez, Schumacher possui o recorde da pista, com 1min15s650, marcado em um teste da Fórmula 1 em 2004 pela Ferrari.

"Estou muito satisfeito com a forma como os testes aconteceram", disse Schumacher em comunicado. "Conseguimos fazer tudo o que planejamos. Me senti bem, imediatamente confortável de voltar ao carro".

Os organizadores disseram que o alemão completou 1.151 quilômetros durante três dias, com 130 voltas apenas nesta quinta-feira.

David Sears, chefe da equipe Super Nova GP2, não teve dúvidas sobre o bom desempenho de Schumacher.

"Diria que ele está mais em forma, mais inteligente e mais rápido do que a maioria dos outros pilotos", disse ele. "Aos 41 anos, ele vai demonstrar isso mais uma vez".

Schumacher não tem permissão para guiar um carro de F1 até o primeiro teste oficial da pré-temporada, em Valencia, no leste da Espanha, em 1o de fevereiro.

O alemão assumiu a vaga na Mercedes (ex-Brawn), aberta pela saída do campeão mundial Jenson Button para a McLaren. Ele se aposentou em 2006 com o recorde de 91 vitórias na categoria.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
<p>Heptacampe&atilde;o Michael Schumacher mostrou velocidade em &uacute;ltimo dia de teste da GP2 (foto de arquivo). REUTERS/Malcolm Griffitths/GP2 Media/Handout</p>