Ronaldinho faz três gols em vitória do Milan; Juventus perde

domingo, 17 de janeiro de 2010 15:20 BRST
 

Por Mark Meadows

MILÃO (Reuters) - Um Ronaldinho renascido fez três gols e ajudou o Milan a massacrar um Siena com dez homens por 4 x 0 neste domingo, estreitando para seis pontos a distância para a líder Inter de Milão.

A corrida pelo título está no auge agora depois que a Inter ficou em um empate de 2 x 2 com o Bari no sábado, enquanto o Milan tem um jogo a menos e os dois primeiros colocados se enfrentam no próximo final de semana.

A Juventus está fora da disputa depois da derrota de 1 x 0 para o Chievo, seu quinto fracasso em sete jogos somadas todas as competições.

Gennaro Sardo marcou para os anfitriões no primeiro tempo, mas o técnico da Juve, Ciro Ferrara, pode culpar as contusões na equipe, que o forçaram a posicionar Michele Paolucci, que chegou do Siena no sábado, na linha de frente.

A Roma de Claudio Ranieri passou na frente de seu ex-clube Juventus e assumiu a terceira colocação, 11 pontos atrás da Inter, depois que o atacante emprestado Luca Toni marcou seus dois primeiros gols para o time na vitória de 3 x 0 em casa sobre o Genoa.

RENASCIMENTO IMPRESSIONANTE

O Milan começou mal a temporada com o novo técnico, o brasileiro Leonardo, e seu renascimento impressionante aconteceu em grande parte graças a Ronaldinho e Marco Borriello, que assim como Toni pode conseguir uma vaga tardia na seleção italiana para a Copa do Mundo.

Ronaldinho abriu o placar aos 12 minutos do primeiro tempo de pênalti, depois de Borriello ter sido derrubado pelo goleiro Gianluca Curci. Borriello fez o segundo da equipe aos 28 minutos.   Continuação...

 
<p>O jogador do Milan Ronaldinho Ga&uacute;cho comemora depois de marcar um gol na partida contra o Siena pelo Campeonato Italiano, no est&aacute;dio de San Siro em Mil&atilde;o, 17 de janeiro de 2010. REUTERS/Stefano Rellandini</p>