Relojoaria Omega diz que Olimpíadas de Inverno seduzem jovens

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010 15:46 BRST
 

ZURIQUE (Reuters Life!) - Esquiadores radicais e praticantes de snowboarding deverão aumentar a popularidade do cronometrista oficial da competição, a Omega, entre a multidão de jovens nas Olimpíadas de Inverno em Vancouver, disse à Reuters o diretor-executivo da fabricante de relógios suíça.

"Em termos de faixa etária, definitivamente seremos capazes de atingir um público mais jovem. Os Jogos de Inverno são ainda melhores para isso do que os Jogos de Verão", afirmou o CEO Stephen Urquhart.

"Há mais esportes radicais e de vanguarda, tais como snowboarding e esqui estilo livre. E o trenó de corrida é frenético, eu estive em um, sei do que estou falando", afirmou ele.

A Omega --que faz o relógio usado no cinema pelo agente secreto britânico James Bond e integrante do maior fabricante de relógios do mundo, o Swatch Group-- espera que os Jogos também levem mais otimismo à América do Norte, fortemente atingida pela crise econômica.

"Obviamente, o setor de alto luxo tem sido difícil, em especial na América do Norte, mas as coisas estão melhorando", afirmou Urquhart.

"Acreditamos que as Olimpíadas propõem uma mensagem muito positiva nesse ambiente...(e) só pode ter um efeito positivo sobre o humor das pessoas nos Estados Unidos, no Canadá e no mundo em geral", afirmou ele.

A perspectiva para a indústria de relógios suíça já está começando a melhorar, à medida que os consumidores voltam a aparecer após meses de restrição, e há esperanças de que o retorno dos grandes bônus para os principais salários de Wall Street também possa impulsionar o setor.

A Omega cronometrou as Olimpíadas pela primeira vez em 1932. A empresa tem cerca de 240 pessoas nos locais dos Jogos na região da cidade canadense de Vancouver e usará dezenas de milhares de quilômetros de cabos para cronometrar os jogos.

(Reportagem de Katie Reid e Silke Koltrowitz)