February 2, 2010 / 7:19 PM / in 7 years

Hamilton diz que novo McLaren é grande avanço sobre 2009

3 Min, DE LEITURA

<p>O birt&acirc;nico da McLaren Lewis Hamilton pilota carro durantes sess&atilde;o teste na pista de Cheste, pr&oacute;ximo a Valencia. Hamilton considerou a diferen&ccedil;a entre seu novo McLaren e o carro do ano passado como "dia e noite" ap&oacute;s testar o novo modelo pela primeira vez nesta ter&ccedil;a-feira.Dani Cardona 02/02/2010</p>

Por Matt Majendie

VALÊNCIA, Espanha (Reuters) - Lewis Hamilton considerou a diferença entre seu novo McLaren e o carro do ano passado como "dia e noite" após testar o novo modelo pela primeira vez nesta terça-feira.

O campeão mundial de 2008 completou 108 voltas no carro MP4-25 equipado com o motor Mercedes no circuito de Valência e terminou o dia como o terceiro mais rápido, atrás do japonês da Sauber Kamui Kobayashi e de Felipe Massa, que mais uma vez colocou a Ferrari no topo dos treinos, como na segunda-feira.

"Eu saí sorrindo. Todos os problemas que tive no último carro, eu não tenho nesse", disse o piloto britânico de 25 anos a repórteres. "Mas ainda há muitas áreas em que podemos melhorar."

Há um ano, com Hamilton carregando o número 1 em seu carro como campeão mundial mais jovem da categoria, a McLaren iniciou os testes de pré-temporada em Portugal e rapidamente percebeu que alguma coisa estava errada.

A equipe levou metade da temporada para dar a volta por cima e recuperar um bom ritmo capaz de dar a Hamilton um carro com chances de lutar por vitórias.

"Acompanhei de perto o desenvolvimento desse carro e os resultados que tivemos no fim de 2009", disse Hamilton. "Vi o carro evoluir... fiquei muito animado hoje de ver as partes que melhoraram."

Hamilton disse não ter ficado preocupado pelo fato de Massa ter sido mais de meio segundo mais rápido que ele nos testes em Valência.

"A Ferrari parece bem rápida, mas não sabemos com quanto combustível cada um está correndo", disse. "Não estamos dois ou três segundos atrás. O que nos encoraja é a confiabilidade. Não tivemos grandes problemas, então isso é um bônus para nós."

O atual campeão mundial Jenson Button, novo companheiro de equipe de Hamilton, vai assumir os testes na quarta-feira, quando Michael Schumacher também estará de volta em ação pela Mercedes -- novo nome da equipe Brawn com a qual Button ganhou o título de 2009.

Hamilton terá de esperar até o próximo teste das equipes, em Jerez, para dividir a pista com o heptacampeão mundial Schumacher.

"Não o vi ontem. Cheguei por volta de 17h30, então perdi o teste, mas já o vi em Genebra algumas vezes", disse o inglês.

Schumacher passou a terça-feira em Valência com seu preparador físico antes do retorno ao cockpit do Mercedes W01 na quarta-feira. Na segunda-feira, ele mostrou que segue competitivo ao terminar em terceiro lugar entre oito pilotos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below