Segurança pode elevar em US$280 mi custo dos Jogos de Londres

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 15:32 BRST
 

Por Avril Ormsby

LONDRES (Reuters) - O custo da Olimpíada de 2012 em Londres poderá aumentar até 180 milhões de libras (280,6 milhões de dólares) principalmente por questões de segurança, mas permanecerá dentro do orçamento, afirmaram organizadores na terça-feira.

O custo final antecipado deve subir até 21 milhões de libras, em boa parte como resultado do clima econômico desfavorável, e outros 110 a 160 milhões de libras poderão ser gastos para garantir a segurança do Parque Olímpico e estádios e quadras durante os Jogos e no período imediatamente depois, disse o Departamento para Cultura, Mídia e Esporte no mais recente relatório financeiro.

O dinheiro extra virá do remanescente do fundo de contingência de 1,25 bilhão de libras e o custo total permanecerá dentro do orçamento de 9,3 bilhões de libras.

Os organizadores esperam que parte dos 110-160 de libras seja compensada por economias em outros setores.

"À medida que entramos na fase mais movimentada e animada do projeto olímpico até agora, este relatório mostra que ainda estamos no prazo e dentro do orçamento", disse a ministra para as Olimpíadas, Tessa Jowell, em um comunicado.

Após uma revisão do governo, a Olympic Delivery Authority (ODA), que é responsável pela infraestrutura dos Jogos, recebeu a incumbência adicional pela segurança e pelas operações entre 2011 e 2013, incluindo os testes, o momento dos Jogos e o legado imediato.

O custo com a segurança está separado do orçamento de 600 milhões de libras reservados para garantir a segurança dos Jogos, cobrindo custos como policiamento.

Os preparativos para os Jogos foram afetados temporariamente por causa do inverno rigoroso, o pior a atingir a Grã-Bretanha em 30 anos, mas já haviam sido retomados.