Clima ainda preocupa na abertura da Olimpíada de Inverno

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010 16:43 BRST
 

Por Kevin Fylan

VANCOUVER (Reuters) - Vancouver se prepara nesta sexta-feira para recepcionar o mundo na sua Olimpíada de Inverno, em meio a grande agitação sobre quem será o escolhido para acender a pira e pelo machucado na perna da estrela norte-americana Lindsey Vonn.

A cerimônia está marcada para começar às 18h (meia-noite em Brasília). O dia começou com clima ameno no centro de Vancouver, mas com problemas na outra sede dos Jogos, o monte Whistler, onde a neblina atrapalhou os treinos do esqui alpino.

A previsão para a hora da cerimônia é de chuva e neblina, mas o mau tempo não deve prejudicar o evento, que pela primeira vez nos Jogos de Inverno ocorrerá num ambiente fechado.

Os ingressos no ginásio BC Place estão esgotados, e centenas de milhões de pessoas devem assistir pela TV.

Especula-se que a honra de acender a pira caberá ao ex-jogador de hóquei Wayne Gretzky, visto nesta semana na cidade da costa oeste canadense.

Mais popular participante dos jogos, a norte-americana Lindsey Vonn chegou a Vancouver preocupada com uma lesão que poderia impedi-la de atingir sua meta de cinco medalhas de ouro no esqui alpino. Pelo Twitter e o Facebook, ela tranquilizou o fãs dizendo que está melhor, mas o cancelamento do seu treino de quinta-feira impediu que ela passasse por um teste real.

O jornal Vancouver Sun circulou na sexta-feira com uma manchete que dizia "Com os corações radiantes", mas nem todos na cidade estão satisfeitos com o evento.

Grupos contrários à Olimpíada pretendem realizar vários protestos, e preveem que os Jogos, até o dia 28, irão atrair ativistas antiglobalização de toda a América do Norte. Bud Mercer, chefe da segurança olímpica, prevê a presença de até 1.400 manifestantes.   Continuação...