Tiger Woods fará pedido público de desculpas

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 09:28 BRST
 

Por Tim Gaynor

PONTE VEDRA BEACH, Estados Unidos (Reuters) - O golfista Tiger Woods deve apresentar nesta sexta-feira um pedido público de desculpas pelo escândalo sexual em que se envolveu em 2009, mas falará também sobre o seu futuro esportivo.

O número 1 do esporte anda escondido desde dezembro, quando admitiu que traía a esposa. No mês anterior, ele havia sofrido um bizarro e insignificante acidente de carro em frente à sua casa, no meio da noite, dando origem a rumores de que ele teria sido golpeado com um taco pela mulher.

Figura mais "vendável" do mundo esportivo, Woods afastou-se por tempo indeterminado dos gramados para tentar salvar seu casamento, e nas últimas semanas cresceram as especulações sobre quando ele voltará a competir.

O norte-americano de 34 anos deve falar com alguns jornalistas às 11h (13h em Brasília) na sede do PGA Tour, em Ponde Vedra Beach, na Flórida.

"Tiger planeja discutir seu passado e seu futuro, e planeja pedir desculpas por seu comportamento", disse seu agente, Mark Steinberg, em email à Reuters. "Embora Tiger sinta que o que aconteceu é fundamentalmente uma questão entre ele e sua esposa, ele também reconhece que magoou e decepcionou muitas outras pessoas que lhe eram próximas. Ele também decepcionou os fãs. Ele quer começar o processo de fazer emendas, e é isso que ele vai discutir."

A Associated Press disse, citando carta de um dirigente do golfe, que após a declaração Woods voltará à sua terapia para viciados em sexo, após uma pausa de uma semana.

Steinberg disse que o evento, transmitido pela TV, será rigidamente controlado e que Woods, dono de 14 títulos importantes no golfe, não responderá a perguntas.

Colegas e especialistas em relações públicas vinham aconselhando Woods a fazer um pedido público de desculpas antes de voltar a competir, e muitos sugeriam inclusive que se submetesse a uma entrevista na TV.

Depois de ter sua impecável imagem maculada pelos escândalos, Woods teria se tratado no Mississippi numa clínica para viciados em sexo. Ele já voltou para a casa em Orlando, na Flórida, onde estaria vivendo separadamente da mulher, a sueca Elin.

(Reportagem adicional de Mark Lamport-Stokes em Whistler, Canadá)

 
<p>Tiger Woods pratica sua tacada no campo de sua casa na Fl&oacute;rida. O golfista deve apresentar nesta sexta-feira um pedido p&uacute;blico de desculpas pelo esc&acirc;ndalo sexual de 2009 e falar&aacute; de seu futuro esportivo. 18/02/2010 (Foto Arquivo Reuters)</p>