Robinho garante vitória contra Irlanda em retorno à seleção

terça-feira, 2 de março de 2010 19:43 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Robinho voltou à seleção brasileira em grande estilo e garantiu a vitória da equipe por 2 x 0 sobre a Irlanda, nesta terça-feira, no último jogo do Brasil antes da convocação final para a Copa do Mundo da África do Sul.

Em sua estreia no ano do Mundial e no único amistoso previsto antes da Copa, o Brasil começou a partida em Londres de forma burocrática e não conseguia furar a defesa adversária, até abrir o marcador num gol contra de Keith Andrews após chute cruzado de Robinho.

O atacante, de volta à Inglaterra de onde saiu sob críticas ao ser emprestado pelo Manchester City ao Santos no começo do ano, marcou o segundo gol brasileiro no segundo tempo finalizando com categoria uma excelente triangulação com Kaká e Grafite, que entrou na etapa final.

"É um sentimento de felicidade voltar à seleção. Fazia muito tempo que a gente não a jogava junto. É o último jogo antes da Copa do Mundo e a gente quer sempre deixar uma boa impressão", disse Robinho, que não disputava uma partida pela seleção desde setembro de 2009, quando machucou-se num jogo contra a Argentina pelas eliminatórias da Copa.

Num primeiro tempo de posse de bola equilibrada entre os dois times e com poucas chances de gol de ambas as partes, o Brasil conseguiu abrir o placar apenas a dois minutos do fim com uma ajuda do irlandês Andrews, que tocou contra o próprio gol após chute cruzado de Robinho.

Melhor na etapa final, quando conseguiu manter a Irlanda em seu próprio campo, o Brasil desperdiçou algumas oportunidades de ampliar, a melhor delas justamente com Robinho, que chutou por cima do gol após receber passe de Kaká livre dentro da área.

O atacante redimiu-se na marca de 30 minutos, quando recebeu um passe de calcanhar de Grafite e bateu rasteiro no canto esquerdo do goleiro irlandês Shay Given.

A partida contra a Irlanda, que não se classificou para a Copa do Mundo por pouco, foi a última oportunidade para os jogadores que ainda buscam uma vaga entre os 23 que serão chamados pelo técnico Dunga para o Mundial.

Na lateral-esquerda, posição vista como a principal dúvida do treinador para fechar seu time, Michel Bastos, do Olympique de Lyon, foi titular durante todo jogo, deixando o experiente Gilberto, do Cruzeiro, no banco de reservas.   Continuação...

 
<p>O atacante Robinho comemora seu gol no amistoso do Brasil contra a Irlanda nesta ter&ccedil;a-feira. REUTERS/Toby Melville</p>