Palermo recupera 4o lugar na Itália com gol de Miccoli no fim

domingo, 7 de março de 2010 13:48 BRT
 

ROMA (Reuters) - O Palermo recuperou o quarto lugar do Campeonato Italiano neste domingo graças a um gol de Fabrizio Miccoli no final do jogo que garantiu a vitória em casa por 1 x 0 vitória sobre o Livorno, ameaçado de rebaixamento.

Miccoli bateu no canto aos 36 minutos do segundo tempo para arrebatar a vitória depois que o goleiro brasileiro Rubinho, do Livorno, parecia ser capaz de frustrar os sicilianos com uma série de boas defesas.

O Palermo tem 46 pontos em 27 jogos, o suficiente para um lugar nas preliminares da próxima Liga dos Campeões, e dois pontos a mais que a Juventus, que venceu fora de casa a Fiorentina por 2 x 1 no sábado.

A Inter de Milão pode aumentar sua vantagem para seis pontos na liderança se vencer o Genoa em casa no último jogo da rodada, depois que o segundo colocado, o Milan, empatou em 0 x 0 com a terceira colocada Roma, no sábado.

A Sampdoria também está na luta por uma vaga na Liga dos Campeões depois de uma vitória de virada em casa por 2 x 1 sobre a Lazio, que coloca a Samp no sexto lugar, um ponto atrás da Juve.

Um chute forte de Stefano Guberti e um voleio de Giampaolo Pazzini garantiram o triunfo da Sampdoria após Sergio Floccari abrir o placar no início da primeira etapa para a equipe de Roma.

A Lazio, que está apenas três pontos acima da zona de rebaixamento, teve Mauro Zarate expulso por reclamação a 13 minutos do final da partida.

O ídolo da torcida Antonio Cassano saiu do banco no segundo tempo para retornar após uma contusão e um atrito com o técnico Luigi Del Neri, que quase o levou a ingressar na Fiorentina na janela de transferências.

O atacante do Cagliari Andrea Cossu, que fez sua estréia na seleção da Itália contra Camarões na quarta-feira, marcou aos 31 do segundo tempo para dar ao time da Sardenha o empate em 2 x 2 com o Catania, pouco depois de Michele Canini ser expulso por um segundo cartão amarelo.

O Napoli está em sétimo depois de perder fora de casa por 2 x 1 para o Bologna, resultado que significou o sexto jogo sem vitória da equipe napolitana.

 
<p>Manifestantes marcham pelo centro da cidade em protesto contra o referendo do governo island&ecirc;s, em Reykjavik, 6 de mar&ccedil;o de 2010. Os islandeses votaram neste s&aacute;bado um referendo sobre um acordo de cinco bilh&otilde;es de d&oacute;lares para devolver empr&eacute;stimos anglo-holandeses, e se espera que um retumbante "n&atilde;o" atrase a ajuda do exterio. REUTERS/Bob Strong</p>