Fórmula 1 elimina abastecimento e aumenta pontuação

quarta-feira, 10 de março de 2010 11:28 BRT
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - A Fórmula 1 atirou fora as bombas de combustível, turbinou o sistema de pontuação e ampliou o grid de largada e o calendário de provas para 2010.

O principal objetivo é tornar o glamoroso esporte mais empolgante e incentivar os pilotos a fazer de tudo para vencer corridas, ao invés de se acomodarem com a segunda colocação e uma pontuação confortável.

A seguir, as principais novidades e mudanças para a temporada de 19 provas, que começa no Barein no dia 14 de março, além de seu provável impacto no que acontece na pista.

ABASTECIMENTO PROIBIDO

Pela primeira vez desde 1993, os carros devem largar com o tanque cheio para durar a corrida inteira. O tamanho dos tanques aumentou de cerca de 80 para 250 litros, e a distância entre os eixos dos carros será maior.

Os pilotos ainda terão que parar para as trocas de pneus, que agora podem levar somente três segundos e se tornar uma estratégia crucial.

"Olhando os testes, acho que vamos ter muitas estratégias incomuns na corrida", disse o atual campeão mundial Jenson Button. "Creio que veremos equipes tentando parar duas ou três voltas antes dos rivais para sair com pneus novos e passá-los pra trás."

"Também veremos as equipes que não são tão competitivas tentando loucamente estratégias como ir para os boxes depois da primeira volta esperando durar até o final da prova", completou.   Continuação...