Virgin é autorizada a trocar tanque de combustível na F1

sexta-feira, 26 de março de 2010 10:01 BRT
 

Por Ian Ransom

MELBOURNE (Reuters) - A novata equipe Virgin Racing foi autorizada a mudar o tanque de combustível do seu carro, que estava menor do que o previsto.

Uma porta-voz da FIA (Federação Internacional do Automobilismo) confirmou a autorização, explicando que sem a mudança o carro poderia ficar sem gasolina para completar as corridas.

Em nota divulgada na sexta-feira antes do GP da Austrália de Fórmula 1, Nick Wirth, diretor-técnico da Virgin, disse que a mudança fora solicitada à FIA porque "ficou claro durante os testes da pré-temporada e na corrida de estreia no Bahrein que a capacidade do nosso tanque de combustível é marginal, e se isso não for resolvido há a possibilidade de que a falta de gasolina se torne uma questão sob certas circunstâncias."

"Agradecemos à FIA por permitir essa mudança, que esperamos introduzir no começo da temporada europeia."

Uma fonte da F1 disse à BBC que a troca de tanque exigiria também alterações no chassi, o que por sua vez levaria a um teste compulsório de impacto.

Os pilotos da Virgin, Timo Glock e Lucas de Grassi, não concluíram a prova no Bahrein devido a defeitos mecânicos.

 
<p>Glock pilota um carro da Virgin em Melbourne. A novata equipe Virgin Racing foi autorizada a mudar o tanque de combust&iacute;vel do seu carro, que estava menor do que o previsto.26/03/2010.REUTERS/Scott Wensley</p>