Japão pedirá conselhos a Zico para a Copa do Mundo

quarta-feira, 21 de abril de 2010 11:30 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - O presidente da Associação Japonesa de Futebol pedirá conselhos ao ex-técnico da seleção local Zico para a Copa do Mundo deste ano e tem planos de conceder-lhe um papel de embaixador na campanha do país para ser sede do torneio.

A visita à América do Sul do presidente da entidade, Motoaki Inukai, para promover a candidatura do Japão à Copa de 2018 ou 2022 irá incluir encontros com Zico.

"Nós pedimos que ele seja um embaixador (para a campanha do Japão), embora também conversaremos sobre o time do Japão", disse Inukai ao jornal Sankei Sports desta quarta-feira.

"Também iremos falar sobre a Copa do Mundo de 2006 na Alemanha", acrescentou Inukai, um dos principais críticos da eliminação precoce do Japão sob o comando de Zico.

Inukai também não comentou sobre o futuro do atual técnico do Japão, Takeshi Okada, que estabeleceu uma meta ambiciosa de chegar à semifinal da Copa do Mundo da África do Sul.

"Há muitos cenários, mas nada está claro ainda", disse Inukia antes de deixar o Japão na terça-feira. "Se ele alcançar seu alvo é possível (que Okada fique no time)."

O Japão tem uma tarefa árdua para passar da fase de grupos da África do Sul. Enfrentará Holanda, Camarões e Dinamarca na fase inicial do torneio.

(Reportagem de Alastair Himmer)

 
<p>A Federa&ccedil;&atilde;o Japonesa de Futebol pedir&aacute; ao ex-t&eacute;cnico da sele&ccedil;&atilde;o local Zico conselhos para a Copa do Mundo deste ano. 07/04/2008 REUTERS/ Eddie Keogh</p>