April 22, 2010 / 9:16 PM / 7 years ago

Lateral esquerda é incógnita para o Brasil na Copa

4 Min, DE LEITURA

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO (Reuters) - A lateral esquerda é a posição mais carente na seleção brasileira para a Copa do Mundo e a cada dia surgem mais dúvidas sobre o jogador certo para a vaga. Titular do técnico Dunga no último amistoso, Michel Bastos ficou na reserva do Lyon na partida de quarta-feira pela Liga dos Campeões e quando entrou, nos minutos finais, jogou pelo lado direito do campo.

Michel Bastos atuou pelo Brasil no amistoso de março contra a Irlanda, o último antes da convocação para o Mundial, dia 11 de maio. Teve atuação discreta, mas é candidato a estar na África do Sul. O lateral do Lyon jogou também os últimos amistosos de 2009, contra Inglaterra e Omã.

Antes dele, outros jogadores foram testados e nenhum deles se firmou.

"Ninguém chegou lá e tomou conta da posição. Os jogadores (convocados) estavam bem nos clubes, mas na seleção não deram continuidade", disse ex-lateral Júnior à Reuters. "Parece que o Michel Bastos vai ser o escolhido."

O outro lateral-esquerdo chamado para o único jogo da seleção este ano foi Gilberto, que atua como meio-campo no Cruzeiro. Gilberto foi o jogador da posição que mais atuou com Dunga, que assumiu a equipe em 2006, mas foi perdendo espaço e só voltou a ser lembrado na última convocação.

Outros atletas testados por Dunga foram Kléber, Adriano, Marcelo, que disputou a Olimpíada de Pequim, Richarlyson, Juan, Filipe Luis e André Santos.

Para Júnior, lateral das Copas de 1982 e 1986, Marcelo, do Real Madrid, seria a melhor opção. "É um jogador regular, que marca bem e sai bem para o jogo."

Filipe Volta?

André Santos foi o titular na conquista da Copa das Confederações no ano passado e parecia ter ganho espaço no time. Porém, não foi convocado para os amistosos mais recentes.

Filipe Luís esteve nos últimos jogos das eliminatórias, mas ele sofreu uma fratura no tornozelo direito em 23 de janeiro e voltou a treinar esta semana, antes do prazo determinado pelos médicos, que era de quatro e seis meses. O jogador do Deportivo La Coruña ainda sonha em disputar o Mundial.

"Sempre acreditei que poderia voltar a jogar nesta temporada. Desde o primeiro dia, queria ser positivo e dar exemplo a muita gente que tem lesões como a minha ou piores. Agora sou mais homem que antes", declarou Filipe ao jornal espanhol As desta quinta-feira.

Em meio à incerteza sobre os laterais que irão à Copa, Roberto Carlos, que disputou os últimos três Mundiais e vem fazendo boas partidas pelo Corinthians, aparece como opção. Aos 37 anos, ele evita colocar pressão em Dunga, mas se coloca à disposição.

"A seleção vem jogando bem e é uma das favoritas para ser campeã do mundo. Deixa para o Dunga resolver", disse Roberto Carlos em entrevista coletiva este mês.

O treinador da seleção chegou a testar Daniel Alves na esquerda, já que na lateral direita ele tem duas ótimas opções: Maicon é o titular da vaga, com o jogador do Barcelona na reserva.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below