América do Sul quer manter formato de eliminatórias para 2014

quarta-feira, 28 de abril de 2010 19:13 BRT
 

ASSUNÇÃO (Reuters) - A Confederação Sul-Americana de Futebol deseja manter o formato de "todos contra todos" nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil, disse um dirigente nesta quarta-feira.

O torneio que classificou Brasil, Chile, Paraguai, Argentina e Uruguai para o Mundial da África do Sul deste ano foi disputado em 18 rodadas, entre outubro de 2007 e outubro de 2009.

O comitê executivo da Conmebol analisou em sua sede em Assunção uma proposta da federação peruana para manter o mesmo sistema.

"A proposta é jogar como temos feito, com 18 rodadas duplas, começando em 2001, mas precisamos da autorização da Fifa. Vamos fazer a solicitação depois do Mundial da África do Sul", disse a jornalistas o secretário-geral da Conmebol, Eduardo Deluca.

"Estamos todos de acordo. Nós queremos continuar jogando como até agora e classificar como temos feito, porque acreditamos que essa é a forma mais esportiva", acrescentou.

A América do Sul tem atualmente quatro vagas diretas para a Copa, e o quinto colocado disputa uma vaga na repescagem contra uma seleção da Concacaf.

Como país-sede, o Brasil está automaticamente classificado e não disputará as eliminatórias para 2014, o que diminuiria as eliminatórias para 16 rodadas se o atual formato for mantido.

(Reportagem de Mariel Cristaldo)