Argentina goleia Haiti por 4 x 0 em amistoso beneficente

quinta-feira, 6 de maio de 2010 09:16 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - Uma seleção argentina composta por jogadores que atuam no país goleou por 4 x 0 o Haiti durante um jogo em benefício às vítimas do terremoto do país caribenho, que foi aproveitado pelo técnico Diego Maradona para ver os jogadores em campo logo antes do Mundial da África do Sul.

A partida, arbitrada pelo chileno Enrique Ossés, foi disputada no estádio de Alianza de Cutral Có, na província de Neuquén.

"Na verdade vinha procurando gente (jogadores), e acredito tê-los encontrado, todos eles fizeram uma partida excepcional, mas o que eu procurava me parece que vamos falar com o corpo técnico", disse Maradona à televisão argentina depois do jogo.

Maradona, principal atração para os jogadores haitianos que tiraram fotos com o ídolo argentino no intervalo, viveu o jogo de forma emotiva como se estivesse jogando uma final de Copa do Mundo contra o Brasil.

A inexperiente e fraca seleção do Haiti não foi medida para um time argentino que teve na equipe o artilheiro histórico do Boca Juniors, Martín Palermo, e o atacante veterano do River Plate, Ariel Ortega, que voltou para integrar o time depois de sete anos.

A Argentina, tecnicamente superior à equipe haitiana, fez os gols por intermédio do meio-campista Facundo Bertoglio aos 33 do primeiro tempo e 10 do segundo, do veterano Palermo aos 42 e do volante Sebastián Blanco aos 5 da segunda etapa.

A Argentina se despedirá de seu público no dia 24 de maio no estádio Monumental, quando enfrentará o Canadá com os jogadores quem, segundo Maradona, serão os que disputarão a primeira partida na África do Sul.

No Mundial, que será realizado entre os dias 11 de junho e 11 de julho, a Argentina integrará o Grupo B junto com Nigéria, Coreia do Sul e Grécia.

(Reportagem de Luis Ampuero)

 
<p>Martin Palermo da Argentina (dir) disputa jogada com Pierre Louis Kensel do Haiti durante amistoso em Cutral Co. Uma sele&ccedil;&atilde;o argentina composta por jogadores que atuam no pa&iacute;s goleou por 4 x 0 o Haiti durante um jogo em benef&iacute;cio &agrave;s v&iacute;timas do terremoto do pa&iacute;s caribenho, que foi aproveitado pelo t&eacute;cnico Diego Maradona para ver os jogadores em campo logo antes do Mundial da &Aacute;frica do Sul. 05/05/2010 REUTERS/Marcos Brindicci</p>