Troféu da Copa do Mundo começa última etapa de turnê mundial

sexta-feira, 7 de maio de 2010 11:47 BRT
 

Por Wendell Roelf

KHAYELITSHA, África do Sul (Reuters) - Milhares de moradores animados se reuniram nesta sexta-feira na região de Khayelitsha, na Cidade do Cabo, para ver de perto o troféu da Copa do Mundo, no começo da turnê da taça pelo país-sede do Mundial.

Trabalhadores da construção, funcionários públicos e desempregados se amontoaram para serem fotógrafos com o troféu dourado na maior comunidade negra da cidade, pouco mais de um mês antes do espetáculo esportivo mais assistido no mundo que começa no dia 11 de junho.

"Me sinto bem, orgulhoso de ser um sul-africano. O troféu fará as pessoas felizes, animadas com o torneio", disse à Reuters Zathini Nelani, um autônomo de 44 anos da comunidade de Khayelitsha.

Nelani, que faz óculos de sol exageradamente grandes e chapéus de futebol "makaraba" em estilo original, era uma propaganda ambulante para suas mercadorias que, segundo ele, o ajudaram a arrecadar algum dinheiro antes do evento.

"Vou continuar com essa foto para mostrar às minhas próximas gerações que tivemos a Copa do Mundo", disse Andile Gomba, desempregado de 58 anos, ao colocar cuidadosamente sua foto com o troféu em um envelope e dentro do bolso da jaqueta.

Policiais com metralhadoras e coletes à prova de balas observavam as multidões enquanto esses chegavam para admirar o troféu, inicialmente coberto por um pano preto dentro de um cofre de vidro.

Organizadores esperam que a viagem do troféu pelo país anfitrião, a última etapa de sua turnê mundial, aumente a animação para o torneio, depois que as vendas de ingressos aparentemente diminuiram após uma corrida inicial para comprar os últimos 500 mil ingressos.

 
<p>F&atilde; do futebol visita o trof&eacute;u da Copa do Mundo em Khayelitsha, perto da Cidade do Cabo. Milhares de moradores animados se reuniram nesta sexta-feira na regi&atilde;o de Khayelitsha, na Cidade do Cabo, para ver de perto o trof&eacute;u da Copa do Mundo, no come&ccedil;o da turn&ecirc; da ta&ccedil;a pelo pa&iacute;s-sede do Mundial. 07/05/2010 REUTERS/Mike Hutchings</p>