Nadal vence compatriota Almagro e está na final de Madrid

domingo, 16 de maio de 2010 15:38 BRT
 

MADRI (Reuters) - Na semifinal espanhola do Aberto de Madri, neste sábado, a torcida parecia em dúvida se estava chateada com a derrota de Nicolas Almagro ou feliz com outra vitória do rei do saibro Rafael Nadal.

De qualquer maneira, os fãs viram uma partida da melhor qualidade com os dois atletas jogando no máximo da sua capacidade. Nadal conseguiu reverter a desvantagem de perder o primeiro set para vencer por 4-6, 6-2 e 6-2.

Em um dia ensolarado, Almagro começou a partida com muita intensidade, conquistou a liderança no set por 4-1 e aproveitou a vantagem de duas quebras contra o segundo cabeça de chave do torneio.

Na torcida, o atacante do Real Madri Cristiano Ronaldo estava novamente presente e aparentava surpresa com a possibilidade de eliminação de Nadal, um torcedor do Real, para o seu compatriota menos conhecido e atual 35o tenista do ranking.

Mas Almagro, de 24 anos, foi incapaz de manter a intensidade do início da partida e permitiu a recuperação de Nadal que ficou com a vitória.

"A maneira que eu joguei no início era a maneira certa de continuar jogando," disse Almagro, que perdeu todas as suas seis partidas contra Nadal, em coletiva de imprensa. "Eu preciso continuar trabalhando e, mais cedo ou mais tarde, eu vou conseguir vencer o Rafa," acrescentou.

O terceiro tenista do mundo, Nadal, que perdeu a final para o suíço número um do mundo Roger Federer na final deste torneio em 2009, está tentando o terceiro título consecutivo de Master neste ano após as conquistas nos Abertos de Monte Carlo e Roma.

Ao garantir a participação na final, Nadal deve reconquistar a posição de segundo melhor tenista do mundo do sérvio Novak Djokovic, que abandonou o torneio em Madri por conta de uma doença. Uma vitória na partida o colocaria com um novo recorde para títulos de Masters com 18.

Nadal e o tenista norte-americano aposentado Andre Agassi tem 17 conquistas cada e Federer está logo atrás com 16.

Federer vai tentar a vaga na final ainda no sábado contra outro espanhol, o nono cabeça de chave David Ferrer. O suíço conseguiu vencer todas as nove vezes que jogou contra Ferrer.

 
<p>Rafel Nadal comemora sua vit&oacute;ria sobre Nicolas Almagro na semifinal do Aberto de Madri. 15/05/2010 REUTERS/Susana Vera</p>