Valdés, Pedro e Martínez na seleção espanhola, Senna fica fora

quinta-feira, 20 de maio de 2010 12:31 BRT
 

MADRI (Reuters) - O técnico da seleção espanhola, Vicente del Bosque, revelou três surpresas em sua equipe de 23 jogadores para a Copa do Mundo na África do Sul, inclusive a dupla do Barcelona Victor Valdés e Pedro, mais o meia do Athletic Bilbao Javi Martínez.

O volante brasileiro Marcos Senna, do Villarreal, foi cortado da lista definitiva.

O goleiro Valdés substituiu Diego López do Villarreal como terceiro escolhido da Espanha depois do capitão Iker Casillas do Real Madri e o número dois Pepe Reina do Liverpool.

Na linha de frente, Pedro está na lista junto com Fernando Llorente do Bilbao, enquanto Daniel Guiza do Fenerbahce e Alvaro Negredo do Sevilla ficaram de fora. Martínez foi preferido para a vaga que também era disputada por Marcos Senna e Santi Carzola, ambos do Villarreal.

"Nós avaliamos a forma dos jogadores ao longo da temporada e precisamos levar os melhores, independentemente da idade", disse Del Bosque em coletiva de imprensa.

Ele também cortou o goleiro do Atlético de Madri David de Gea e o defensor do Osasuna Cesar Azpilicueta da lista.

Entre as preocupações de lesões ocorridas nos campeonatos europeus, o atacante Fernando Torres, do Liverpool, e o capitão do Arsenal, Cesc Fábregas, foram mantidos na lista, e Del Bosque disse que o prognóstico para ambos era positivo.

"Ainda temos alguns receios, mas eles foram incluídos porque a mensagem que estamos recebendo da equipe médica é positiva e eles devem chegar ao campeonato a 100 por cento", disse .

(Reportagem de Iain Rogers)

 
<p>Goleiro do Barcelona Victor Valdes defende a bola durante jogo contra o Real Madri em Madri. O t&eacute;cnico da sele&ccedil;&atilde;o espanhola, Vicente del Bosque, revelou tr&ecirc;s surpresas em sua equipe de 23 jogadores para a Copa do Mundo na &Aacute;frica do Sul, inclusive a dupla do Barcelona Victor Vald&eacute;s e Pedro, mais o meia do Athletic Bilbao Javi Mart&iacute;nez. 10/04/2010 REUTERS/Juan Medina</p>