Adolescente dos EUA é o mais jovem a escalar o Everest

sábado, 22 de maio de 2010 16:19 BRT
 

Por Gopal Sharma

KATHMANDU (Reuters) - Um garoto norte-americano de 13 anos se tornou neste sábado o mais jovem alpinista a chegar ao topo do Monte Everest, a mais alta montanha do mundo, informou um site da Internet especializado em alpinismo.

Jordan Romero, de Big Bear, Califórnia, escalou a montanha de 8.850 metros a partir do lado tibetano, no mesmo dia em que um nepalês quebrou o próprio recorde, o de maior número de tentativas bem-sucedidas de chegar ao pico.

"A equipe acabou de ligar e confirmou que eles estão no topo do Monte Everest", afirmou o blogue de Romero.

"Os sonhos deles se realizaram. Todos pareciam inacreditavelmente felizes."

A subida colocou Romero mais perto de atingir sua meta de escalar as mais altas montanhas dos seis continentes.

"É apenas uma meta", disse Romero em abril à Reuters, em Kathmandu, a capital do Nepal. Ele já havia então escalado cinco picos, incluindo o Monte Kilimanjaro, na África, e para alcançar seu objetivo ainda precisa subir o Maciço Vinson Massif, o ponto mais alto da Antártida.

Antes, a pessoa mais jovem a escalar o Everest havia sido Temba Tsheri Sherpa, de 16 anos, do Nepal.