UEFA escolhe França para sediar Eurocopa de 2016

sexta-feira, 28 de maio de 2010 12:11 BRT
 

Por Brian Homewood

GENEBRA (Reuters) - A França sediará a Eurocopa de 2016 após a UEFA, entidade que comanda o futebol europeu, optar pela candidatura francesa em detrimento da Turquia e da Itália, que também queriam sediar o torneio.

A França, que foi anfitriã da competição em 1960 e 1984 e também já sediou duas Copas do Mundo, venceu a Turquia por setes votos a seis. A Itália havia sido eliminada na primeira rodada da votação. Foi a terceira vez que a Turquia tentou sem sucesso sediar um grande campeonato de futebol.

"No momento, estou extasiado só de pensar que a França receberá o futebol da Europa", disse o presidente da Federação Francesa de Futebol, Jean-Pierre Escalettes, na cerimônia de escolha transmitida pela TV.

"O que importa para nós é ter a confiança da UEFA, e essa confiança não será traída."

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, compareceu à cerimônia para dar apoio ao seu país. Ele sentou-se ao lado do presidente da UEFA, o francês Michel Platini, que em 1984 foi o principal jogador na conquista da Eurocopa daquele ano pela França.

Platini ficou de fora da reunião do comitê executivo que fez a escolha da sede e admitiu que era uma situação desconfortável para ele e para o vice-presidente da Uefa, o turco Senes Erzik, que também não participou do encontro.

"A situação era muito complexa, não só para o presidente, mas para o vice-presidente. Não tínhamos nada a ganhar com essa situação", disse Platini.

Os problemas de atrasos enfrentados pela Polônia e pela Ucrânia, que sediarão o torneio em 2012, podem ter feito a UEFA evitar escolher a Turquia, ainda mais porque a Eurocopa de 2016 será a primeira a ter 24 equipes, contra as 16 atuais.