8 de Junho de 2010 / às 10:36 / em 7 anos

COPA-Jejum de Luís Fabiano pela seleção supera 9 meses

<p>Lu&iacute;s Fabiano (esq) e Daniel disputam a bola durante sess&atilde;o de treino em Johanesburgo. Lu&iacute;s Fabiano prometeu brigar para ser artilheiro da Copa do Mundo, mas o camisa 9 da sele&ccedil;&atilde;o brasileira passou em branco nos dois amistosos e j&aacute; est&aacute; h&aacute; mais de nove meses sem balan&ccedil;ar as redes pelo Brasil. 06/06/2010 REUTERS/Paulo Whitaker</p>

(Texto atualizado no 3o parágrafo com total de gols de Luís Fabiano na temporada)

Por Pedro Fonseca

JOHANESBURGO (Reuters) - Luís Fabiano prometeu brigar para ser artilheiro da Copa do Mundo logo após chegar à África do Sul, mas o camisa 9 da seleção brasileira passou em branco nos dois amistosos de preparação da equipe antes do Mundial e já está há mais de nove meses sem balançar as redes pelo Brasil.

Com a responsabilidade de substituir Ronaldo, que tornou-se na Alemanha o maior artilheiro da história das Copas, Luís Fabiano não marcou sequer nos três treinos coletivos comandados pelo técnico Dunga em Johanesburgo.

A falta de gols coloca em dúvida a forma do atacante, após uma temporada em que disputou poucos jogos por seu clube, o espanhol Sevilla, em consequência de seguidas lesões. Ele, no entanto, teve uma boa média de gols, 15 marcados em 23 partidas do Campeonato Espanhol e um total de 21 gols em 35 jogos da temporada.

O último gol do atacante pela seleção brasileira foi em setembro de 2009, na vitória por 3 x 1 contra a Argentina, em Rosário, pelas eliminatórias do Mundial. Desde então foram cinco jogos como titular do Brasil sem gols: 0 x 0 contra Venezuela, 1 x 0 contra Inglaterra, 2 x 0 contra Omã, todos no ano passado, e os amistosos de aquecimento para a Copa contra Zimbábue (3 x 0) e Tanzânia (5 x 1), este mês.

No outro jogo do Brasil no ano, a vitória por 2 x 0 sobre a Irlanda em março, o atacante foi vetado por uma lesão na região do tórax, que também o deixou de fora das partidas pelo Sevilla. Além dessa contusão, o jogador ainda teve um problema no tornozelo durante a temporada e apresentou-se à seleção para a Copa com outro problema físico, uma distensão muscular na coxa.

O jogador, no entanto, garantiu após desembarcar na África do Sul que estava recuperado e que brigaria para ser artilheiro do Mundial, repetindo o feito da Copa das Confederações de 2009, quando ajudou o Brasil a conquistar o título com cinco gols em cinco partidas.

“O Luís Fabiano do Brasil que vai lutar pra ser artilheiro”, disse o atacante sobre ele mesmo, quando perguntado quem seriam os concorrentes ao prêmio de principal goleador da Copa. Ele também citou o inglês Wayne Rooney e o espanhol David Villa como concorrentes.

“CAUTELA”

O Mundial da África do Sul será o primeiro desde 1994 que o ataque do Brasil não será liderado por Ronaldo, o maior artilheiro da história das Copas com 15 gols marcados em três edições: 1998, 2002 e 2006.

Luís Fabiano conquistou o posto de novo camisa 9 com gols decisivos nas eliminatórias, em que terminou como goleador do Brasil, e, principalmente, com a artilharia da Copa das Confederações. Em 36 partidas pela seleção, ele fez 25 gols.

Contra Zimbábue e Tanzânia, ele teve atuações apagadas e desperdiçou as poucas oportunidades que teve de marcar. Na partida de segunda-feira em Dar es Salaam, perdeu sua melhor chance ao chutar para defesa do goleiro após passe de Kaká.

Antes dos jogos de preparação, Luís Fabiano alertou que iria encarar as partidas com precaução, mas prometeu estar 100 por cento para a Copa do Mundo.

“Os amistosos são importantes para a preparação, mas como venho me recuperando, tem que encarar com tranquilidade e cautela, porque o que importa é que ainda tenho tempo até a estreia”, afirmou.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below