Às vésperas da Copa, África inaugura trem rápido

terça-feira, 8 de junho de 2010 09:31 BRT
 

Por Olivia Kumwenda

JOHANESBURGO (Reuters) - Entrou em operação na terça-feira em Johanesburgo o primeiro trem de alta velocidade do continente africano, bem a tempo de poupar o público da Copa dos notórios engarrafamentos da cidade.

Na segunda-feira, por exemplo, houve congestionamentos na maior parte do dia, fazendo com que o percurso até o aeroporto O.R. Tambo levasse o dobro do tempo normal.

O novo Gautrain (mistura entre as palavras "train" - trem - e Gauteng, nome da província onde fica Johanesburgo) liga o aeroporto internacional ao sofisticado bairro de Sandton, onde muitos torcedores estão se hospedando.

Na manhã de terça-feira, faltando três dias para o começo da primeira Copa em solo africano, o trem fez em 15 minutos a sua viagem inicial, no sentido bairro-aeroporto, a uma velocidade de 160 quilômetros por hora. De carro, o trajeto costuma levar de 40 a 90 minutos.

A passagem custa 100 rands (cerca de 25 reais), valor elevado para muitos sul-africanos. No futuro, a linha deve ligar Soweto, enorme subúrbio ao sul de Johanesburgo, a Pretória, a capital nacional, cerca de 60 quilômetros ao norte da metrópole sul-africana. O compromisso das construtoras era entregar o trecho Aeroporto-Sandton antes da Copa.

Johanesburgo e outras cidades-sede passaram anos mergulhadas na poeira de grandes obras. O Gautrain, por exemplo, é um projeto de 3,38 bilhões de dólares e terá um trecho subterrâneo, ainda em construção.

A prefeitura diz que as obras serão suspensas durante a Copa, para não atrapalhar o tráfego. Mesmo assim, a Fifa afirmou estar preocupada com os congestionamentos na região do estádio Soccer City, perto de Soweto, nas horas que antecederem à cerimônia de abertura, na sexta-feira. A entidade pediu aos sul-africanos, conhecidos por chegarem em cima da hora, que estejam cedo no estádio.

 
<p>Trem de alta velocidade chega &agrave; esta&ccedil;&atilde;o de Sandton em Johanesburgo. Entrou em opera&ccedil;&atilde;o na ter&ccedil;a-feira em Johanesburgo o primeiro trem de alta velocidade do continente africano, bem a tempo de poupar o p&uacute;blico da Copa dos not&oacute;rios engarrafamentos da cidade. 08/06/2010 REUTERS/Ivan Alvarado</p>