Seleção espanhola é recebida com festa na África do Sul

sexta-feira, 11 de junho de 2010 11:49 BRT
 

Por Iain Rogers

POTCHEFSTROOM, África do Sul (Reuters) - A seleção da Espanha foi acolhida com música e danças tradicionais sul-africanas ao chegar ao seu campo de treinamento em Potchefstroom nesta sexta-feira.

Fernando Torres, Cesc Fábregas e seus companheiros de equipe pousaram perto do meio-dia local em uma base militar, cuja pista foi especialmente ampliada para a Copa do Mundo, na cidade universitária a uma hora a sudoeste de Johanesburgo.

Os campeões europeus foram transportados à sua base na North West University através de ruas ocupadas por milhares de torcedores locais, que acenavam com bandeiras espanholas e assopravam com gosto suas multicoloridas vuvuzelas.

O prefeito Maphetle Maphetle recepcionou os jogadores ligeiramente abatidos e a equipe técnica, que voou de noite para Johanesburgo na quinta-feira e envergava ternos cinzas com gravatas vermelhas.

"Sabemos que você é um ótimo técnico", disse Maphetle a Vicente del Bosque.

"Esperamos que a final seja entre os Bafana Bafana e a Espanha", acrescentou ele, em referência ao apelido da seleção sul-africana.

Alguns membros da delegação espanhola pareciam um tanto espantados com um grupo de adolescentes saltitantes dançando com suas botas listradas de preto e branco, originalmente usadas como uma espécie de linguagem primitiva por mineiros.

Eles aplaudiram os dançarinos e músicos educadamente antes de seguir para seus quartos na nova vila esportiva da universidade.

Uma sessão de treino está planejada para as 13h30 (horário de Brasília).

A Espanha irá estrear contra a Suíça em Durban no dia 16 de junho em jogo do Grupo H.