Lesão tira Millar da estreia do Chile no Mundial

sábado, 12 de junho de 2010 15:58 BRT
 

NELSPRUIT, África do Sul (Reuters) - O Chile não poderá contar com o meio-campista Rodrigo Millar para sua estreia na Copa do Mundo contra Honduras, no dia 16 de junho, por causa de uma lesão muscular, confirmaram neste sábado os jogadores da equipe sul-americana.

Millar, o jogador mais alto da equipe chilena, foi um dos últimos a ser convocado por Marcelo Bielsa, mas desde então tem sido titular do técnico argentino.

"Ele tem todo o apoio dos companheiros, somos sua família aqui e o ânimo precisa melhorar. Não é agradável ficar fora de uma partida e a ideia é que ele possa jogar as outras duas (pelo Grupo H contra Suíça e Espanha). Temos de apoiá-lo em tudo", disse o goleiro Miguel Pinto aos jornalistas.

O jogador do clube chileno Colo Colo sentiu dores no músculo adutor direito, por isso não estará pronto para a estreia do Chile, que, depois de fazer uma brilhante eliminatória sul-americana, quer continuar arrebatando admiradores na primeira Copa do Mundo em solo africano.

"Se chegamos ao Mundial, é para fazer coisas importantes, estar entre os quatro melhores é algo grande para o Chile e se falamos sobre isso é porque temos confiança. Acredito que não seja um sonho, é uma realidade que está ao alcance de nossas mãos", reafirmou o meio-campista Rodrigo Tello.

No entanto, o time de Bielsa deverá ficar atento com as lesões para poder manter seu bom nível e aguentar a pressão psicológica de ser uma das últimas seleções a estrear na Copa.

"A questão mais estressante é a mental porque queremos jogar logo e estar bem fisicamente. Isso é o que torna esses dias sem jogar mais perigosos," acrescentou Pinto.

O atacante Humberto Suazo, artilheiro do time, está se recuperando rapidamente de uma contusão muscular na coxa esquerda durante um amistoso antes do torneio e, embora venha treinando com regularidade, ainda é dúvida para a primeira partida dos chilenos.

A seleção do Chile treinou pela manhã e depois assistiu à segunda partida do Grupo B entre Argentina e Nigéria.

(Reportagem de Nicolás Navarrete)