Cristiano Ronaldo marca e Portugal goleia Coreia do Norte

segunda-feira, 21 de junho de 2010 15:57 BRT
 

Por Mitch Phillips

CIDADE DO CABO (Reuters) - Portugal obteve sua maior vitória em todas as Copas do Mundo massacrando a Coreia do Norte por 7 x 0 nesta segunda-feira e pondo fim às esperanças do time asiático.

Cristiano Ronaldo finalmente marcou e os portugueses se colocaram em posição privilegiada ao lado do Brasil no Grupo G para progredir às oitavas-de-final após uma demonstração impressionante de futebol ofensivo.

O técnico Carlos Queiroz havia dito que iria abordar três aspectos no jogo - vencer, marcar gols e depois olhar a tabela -, e seus jogadores seguiram seu plano ao pé da letra.

Gols de Raul Meireles no primeiro tempo e uma blitz de sete minutos de Simão Sabrosa, Hugo Almeida e Tiago na segunda etapa, somados aos gols do reserva Liédson, de Cristiano Ronaldo e Tiago novamente garantiram a vitória que deixou Portugal com quatro pontos.

"Foi um ótimo desempenho, belos gols, ótima atitude. Precisávamos de um momento como este, uma partida bem jogada, para que a motivação e a confiança aumentem ainda mais", disse Queiroz.

"É um ótimo resultado, mas é mais um jogo e ainda não ganhamos nada. Agora temos que pensar em nos classificarmos para a próxima fase, um jogo de cada vez, tentar vencer o próximo com a mesma ambição com que entramos nesta partida".

Portugal está dois pontos atrás do já classificado Brasil, que enfrenta em seu último jogo na fase de grupos, mas o que importa é ter aumentado seu saldo de gols.

Portugal abriu o placar quando Tiago, substituindo o contundido Deco, rolou um passe perfeito para Meireles balançar a rede do goleiro Ri aos 29 minutos.   Continuação...

 
<p>Tiago (19), da sele&ccedil;&atilde;o portuguesa comemora gol com colegas de equipe durante jogo contra a Coreia do Norte contra o Grupo G. Portugal massacrou a Coreia do Norte por 7 x 0 nesta segunda-feira e agora tem excelentes chances de chegar &agrave;s oitavas-de-final da Copa do Mundo. 21/06/2010 REUTERS/Mike Hutchings</p>