Thierry Henry encontra presidente francês para discutir fracasso

quinta-feira, 24 de junho de 2010 11:07 BRT
 

Por Elizabeth Pineau

PARIS (Reuters) - O presidente da França, Nicolas Sarkozy, teve um encontro particular com o atacante da seleção francesa Thierry Henry nesta quinta-feira, depois que a derrota humilhante da seleção francesa na Copa do Mundo se tornou um debate nacional de que o governo prometeu se ocupar.

Na quarta-feira Sarkozy solicitou uma avaliação completa do futebol francês após realizar uma reunião de gabinete. A ministra dos Esportes, Roselyne Bachelot, declarou nesta quinta-feira que "a demissão do presidente da Federação Francesa (de Futebol), Jean-Pierre Escalettes, era inevitável".

O encontro entre Sarkozy e Henry foi realizado a pedido do jogador francês, informou um porta-voz do governo.

Henry, que atuou 123 vezes pela França e é seu maior artilheiro com 51 gols, foi direto para o palácio de governo em um carro oficial escoltado pela polícia assim que o time pousou no aeroporto de Le Bourget.

Ele entrou por uma porta lateral longe dos fotógrafos e câmeras, que esperavam por ele na entrada principal.

(Reportagem de Jean-Paul Couret)

 
<p>Franc&ecirc;s Thierry Henry durante jogo do Grupo A contra a &Aacute;frica do Sul. O presidente Nicolas Sarkozy teve um encontro com o atacante nesta quinta-feira, depois da derrota humilhante na Copa do Mundo. 22/06/2010 REUTERS/Adnan Abidi</p>