24 de Junho de 2010 / às 17:19 / 7 anos atrás

Inglaterra é favorita para nos derrotar, diz Alemanha

Por Karolos Grohmann

ERASMIA, África do Sul (Reuters) - A Inglaterra é a favorita para vencer a partida de oitavas de final contra a Alemanha e, apesar de seu desempenho medíocre no torneio até agora, irá melhorar rapidamente, disse a seleção alemã nesta quinta-feira.

“Eles têm muitas estrelas no time, e na nossa partida são os favoritos”, disse o auxiliar técnico Hansi Flick. “Eles jogam um futebol moderno, cresceram muito no quesito técnico com Fabio Capello e podem derrotar qualquer time”.

“Esta partida será um clássico total”, acrescentou ele às vésperas do confronto de domingo em Bloemfontein.

A Inglaterra passou aos tropeços para a segunda fase como vice líder do Grupo C com uma vitória de 1 x 0 sobre a Eslovênia, enquanto a Alemanha venceu Gana pelo mesmo placar na quarta-feira pelo Grupo D.

“A Inglaterra não mostrou do que é capaz até agora, mas é uma das favoritas a vencer a Copa”, disse Flick.

Os ingleses ficaram no empate de 1 x 1 com os Estados Unidos, que encabeçam o grupo, e tiveram que se contentar com um entediante empate sem gols com a Argélia antes de se classificar com uma vitória sobre a Eslovênia.

Wayne Rooney ainda não fez gols no torneio, mas mostrou alguns sinais de melhora na quarta-feira antes de sair com um leve problema no tornozelo, e as chances da Inglaterra podem depender dele.

“Acho que Rooney tem qualidades incríveis. Ele pode não ter chegado no auge ainda, mas quando se trata de jogos decisivos, jogadores como ele sempre dão conta”, disse o zagueiro alemão Arne Friedrich.

“Por isso temos que estar alerta. Não podemos ceder tanto espaço quanto fizemos com Gana”, acrescentou o jogador de 31 anos.

A partida entre Alemanha e Inglaterra representa uma das maiores rivalidades do futebol, e Friedrich disse que o jogo de domingo será entre “dois extremos” - a mais jovem seleção alemã em 76 anos contra uma Inglaterra experiente.

“Se formos capazes de encontrar a leveza que tivemos no jogo de estreia contra a Austrália (que venceram por 4 x 0), então esta juventude pode ser uma vantagem ao invés de uma desvantagem”, disse ele.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below