26 de Junho de 2010 / às 13:31 / 7 anos atrás

Vettel conquista a pole em Valência, Massa larga em quinto

<p>Vettel pilota em Val&ecirc;ncia. O alem&atilde;o Sebastian Vettel ficou com a pole position do Grande Pr&ecirc;mio da Europa neste s&aacute;bado, ap&oacute;s sua equipe, a Red Bull, dominar a primeira fila do grid de largada pela quarta vez nesta temporada.26/06/2010.Albert Gea</p>

Por Alan Baldwin

VALÊNCIA, Espanha (Reuters) - O alemão Sebastian Vettel conquistou a pole position para o GP da Europa de Fórmula 1, neste sábado, com a Red Bull fazendo dobradinha na primeira fila pela quarta vez este ano.

O australiano Mark Webber ficou com a segunda colocação, com o líder do campeonato, Lewis Hamilton, da McLaren, se classificando em terceiro.

"As pessoas estavam falando da última corrida, no Canadá, e que aqui seria um circuito difícil para nós. Acredito que provamos que elas estavam erradas", disse Vettel, que terminou em quarto em Montreal há duas semanas.

"Será uma batalha difícil amanhã, mas acredito que podemos vencer a corrida e marcar muitos pontos para o time", acrescentou o piloto de 22 anos, cuja equipe está correndo pela primeira vez com a versão 'F-duct', usada primeiramente pela McLaren, que oferece mais velocidade nas retas.

Vettel agora tem quatro poles nesta temporada, mas falhou ao não conseguir converter a posição privilegiada em vitória nas três vezes anteriores. Sua única vitória este ano aconteceu quando ele largou da terceira posição do grid, na Malásia. A Red Bull já soma oito poles este ano.

"Para ser sincero, estou feliz por ser segundo, Seb foi mais rápido", declarou Webber, que se classificou na primeira fila nas últimas oito corridas.

Os dois pilotos da Red Bull largam um ao lado do outro pela primeira vez desde que se tocaram na Turquia quando seguiam para fazer a dobradinha ao final daquela corrida, mas os dois minimizaram a possibilidade de um choque novamente.

"Passamos por isso várias vezes, mas não tenho medo de que algo parecido possa acontecer", disse Vettel, cuja última pole foi na China, em abril. "Você nunca pode dizer nunca, mas claro que eu acredito que aprendemos nossa lição."

Hamilton, que brigou pela vitória nas duas últimas corridas em Valência, ficou surpreso por estar logo atrás dos carros da Red Bull depois de ter travado as rodas traseiras em sua última volta rápida.

"Sinto-me com tanta sorte", disse o britânico, cujo ritmo de corrida de seu carro o coloca em uma boa posição para tentar sua terceira vitória consecutiva. "Percebemos nos treinos livres que estávamos bem atrás."

"Inicialmente, entramos no treino classificatório com o pensamento de tirar o máximo do carro, cada pedacinho que conseguíssemos e um pouco mais apenas para conseguir uma posição melhor, mesmo que fosse de sétimo para o sexto lugar", acrescentou ele.

"Não imaginava que pudéssemos estar numa posição tão boa", completou Hamilton.

O piloto da McLaren está três pontos à frente do atual campeão mundial e companheiro de equipe, Jenson Button, com Webber em terceiro e com mais três pontos atrás. Vettel está em quinto com 19 pontos e com 11 corridas restando para o final da temporada.

Fernando Alonso, da Ferrari, faz sua segunda corrida do ano em casa e larga da quarta posição, com o brasileiro e colega de escuderia, Felipe Massa, partindo em quinto.

O polonês Robert Kubica vai largar em sexto com a Renault.

A ex-campeã Williams colocou seus dois carros entre os dez mais rápidos pela a primeira vez desde o GP da Malásia, em abril. O alemão Nico Hulkenberg se classificou em oitavo e o brasileiro Rubens Barrichello, vencedor no ano passado com a Brawn, em nono.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below