Aguirre promete abraçar "grande amigo" Maradona

sábado, 26 de junho de 2010 18:58 BRT
 

Por Javier Leira

JOHANESBURGO (Reuters) - O técnico da seleção argentina, Diego Maradona, é um Deus para muitos amantes do futebol e no sábado pareceu operar um milagre quando a menção de seu nome arrancou um sorriso do sério Javier Aguirre, técnico do México.

Argentina e México se enfrentam no domingo no estádio Soccer City, em Johanesburgo, pelas oitavas de final do Mundial, com arbitragem do italiano Roberto Rosetti.

"Diego é um bom amigo, nos enfrentamos algumas vezes como jogadores, ele foi várias vezes a Madri, estivemos várias vezes com 'Kun' (Sergio Agüero, seu genro e a quem Aguirre dirigiu no Atlético de Madri), e com sua filha (Giannina)", disse Aguirre, neste sábado durante coletiva de imprensa.

"Ele é um grande amigo, um grande técnico, já demonstrou", destacou o treinador.

Aguirre estava contrariado com a conversa com os jornalistas um dia antes da partida e deu respostas dominadas por expressões tristes e raramente com mais de 15 palavras seguidas.

Em meio ao seu aparente mau humor, a menção a Maradona iluminou seu rosto.

"Como disse, é um grande amigo, lhe darei um grande abraço", disse.

A Argentina chegou às oitavas de final após conquistar os nove pontos possíveis no Grupo B, enquanto o México foi segundo no Grupo A atrás do Uruguai, com uma vitória, uma derrota e um empate.

 
<p>T&eacute;cnico da sele&ccedil;&atilde;o do M&eacute;xico, Javier Aguirre, escuta pergunta de jornalista durante entrevista coletiva no est&aacute;dio Soccer City, em Johanesburgo, neste s&aacute;bado. REUTERS/Henry Romero</p>