Ladrões furtam sete réplicas da Copa na África do Sul

terça-feira, 29 de junho de 2010 13:59 BRT
 

Por Helen Popper

JOHANESBURGO (Reuters) - Assaltantes furtaram sete réplicas do troféu de ouro da Copa do Mundo depois de arrombar os escritórios da Fifa na África do Sul, disse a polícia local nesta terça-feira.

Os ladrões têm mirado jogadores e jornalistas durante o Mundial, mas até agora o torneio não tinha visto crimes sérios. A segurança foi uma grande preocupação dos organizadores do evento diante da alta taxa de crimes violentos da África do Sul.

"Sabemos que houve um arrombamento nos escritórios da Fifa. Sete réplicas da Copa do Mundo foram roubadas e vários agasalhos. A polícia está investigando", declarou o chefe da polícia nacional, Bheki Cele, aos repórteres.

Eugene Opperman, porta-voz da polícia da província de Gauteng, disse que a invasão ocorreu no domingo e que ninguém foi preso ainda.

A Fifa se diz satisfeita com o padrão do policiamento no torneio até o momento, afirmou um porta-voz, acrescentando não ter informações sobre o arrombamento.

Ansiosa para mudar sua imagem de celeiro da criminalidade, a África do Sul criou 56 cortes especiais para o Mundial para lidar rapidamente com casos envolvendo turistas.

No veredicto mais recente, cinco funcionários de um hotel onde a seleção inglesa estava hospedada foram julgados por ter furtado itens como uma medalha de ouro da Fifa, dinheiro e roupas de jogadores ingleses na segunda-feira.