Paraguai admite sorte nos pênaltis e limitações em seu jogo

terça-feira, 29 de junho de 2010 15:57 BRT
 

PRETÓRIA (Reuters) - A seleção paraguaia teve sorte na definição por pênaltis diante do Japão, mas precisa melhorar o controle de bola em suas próximas partidas, disse nesta terça-feira o técnico Gerardo Martino.

O Paraguai venceu os japoneses por 5 x 3 após um empate sem gols e se classificou para as quartas de final de um Mundial pela primeira vez em sua história, e agora deve esperar o vencedor do confronto entre Espanha e Portugal para conhecer seu próximo rival.

"Foi determinante ter a sorte do nosso lado nos pênaltis", disse Martino em coletiva de imprensa. "As duas equipes fizeram um grande esforço, talvez com pouco futebol ou com menos futebol que as pessoas gostariam de ver", ressaltou.

"Não jogar bem foi o grande déficit durante muito tempo. Pressionamos e retrocedemos bem. Falta movimentar a bola quando for hora de assumir riscos. É preciso descansar com a posse de bola", explicou.

O argentino Martino destacou que o Paraguai precisa melhorar neste quesito para conseguir um funcionamento similar ao das equipes de elite.

"O que o Paraguai precisa são muito mais partidas desta natureza para poder jogar um pouco melhor", acrescentou.

(Reportagem de Javier Leira em Johanesburgo)