Deputado quer CPI sobre fiasco inglês na África

quinta-feira, 1 de julho de 2010 09:28 BRT
 

Por Adrian Croft

LONDRES (Reuters) - Um deputado britânico quer abrir uma CPI para investigar a situação do futebol inglês, depois do "patético" desempenho da seleção nacional na Copa do Mundo da África do Sul.

A Inglaterra chegou à Copa como uma das favoritas, mas foi eliminada nas oitavas de final pela Alemanha. A derrota de 4 x 1 naquele jogo foi a pior da Inglaterra na história das Copas.

O deputado conservador David Amess disse em seu site que ficou tão indignado com o time que apresentou uma moção parlamentar exigindo providências.

O texto pede que o Parlamento manifeste "sua grande frustração com a patética saída da Inglaterra da fase final da Copa do Mundo", e diz que o time "decepcionou este país e seus seguidores".

Pela proposta de Amess, a CPI iria investigar a situação do futebol inglês, onde segundo o deputado muitos jogadores "flagrantemente ganham demais e jogam de menos".

A Fifa habitualmente condena qualquer forma de intervenção política no futebol, e criticou as autoridades da vizinha França por causa do debate que se instaurou no país depois que os "Bleus" foram eliminados na primeira fase.

Também na Nigéria o mau resultado na Copa virou questão de Estado - na quarta-feira, o presidente Goodluck Jonathan disse que a seleção passaria dois anos suspensa das competições internacionais, para se reorganizar.