Felipe Melo volta à seleção para jogo com Holanda

sexta-feira, 2 de julho de 2010 09:59 BRT
 

Por Pedro Fonseca

PORT ELIZABETH (Reuters) - O volante Felipe Melo está de volta ao time titular do Brasil para o jogo desta sexta-feira contra a Holanda, pelas quartas de final da Copa do Mundo, após ter se recuperado de uma lesão no tornozelo sofrida na primeira fase da competição.

O camisa 5 do Brasil desfalcou a equipe na vitória por 3 x 0 sobre o Chile nas oitavas de final, na segunda-feira, e só voltou a treinar normalmente na quarta-feira.

O técnico Dunga disse após o último treinamento da seleção para o jogo com os holandeses que Felipe Melo estava em condições de jogo, mas não quis antecipar sua escalação na véspera da partida.

Felipe Melo torceu o tornozelo esquerdo após levar um pisão de Pepe no primeiro tempo do empate por 0 x 0 com Portugal, no dia 25 de junho, no último jogo do Brasil pelo Grupo G do Mundial.

Com seu retorno aos titulares, para jogar ao lado de Gilberto Silva na contenção do meio-campo brasileiro, Dunga terá apenas um desfalque para a partida contra Holanda, o meia Elano. Com um edema ósseo sofrido logo no segundo jogo do Brasil na Copa, o jogador deve ficar de fora do restante da competição.

Mais uma vez Daniel Alves será o titular da equipe na meia-direita, assim como nos jogos contra Portugal e Chile. O Brasil também não poderá contar com o volante reserva Ramires, que está suspenso.

A seleção brasileira jogará de uniforme azul, como no confronto entre as duas equipes nas quartas de final da Copa de 1994, vencido pela seleção brasileira por 3 x 2.

O Brasil enfrentará a Holanda, numa tarde de sol em Port Elizabeth, com a seguinte formação: 1-Julio César, 2-Maicon, 3-Lúcio (capitão), 4-Juan e 6-Michel Bastos; 5-Felipe Melo, 8-Gilberto Silva, 13-Daniel Alves e 10-Kaká; 11-Robinho e 9-Luís Fabiano.

 
<p>Felipe Melo durante sess&atilde;o de treino na quinta-feira. O volante est&aacute; de volta ao time titular do Brasil para o jogo desta sexta-feira contra a Holanda. 01/07/2010 REUTERS/Paulo Whitaker</p>