2 de Julho de 2010 / às 20:31 / 7 anos atrás

Seleção vai às lágrimas e culpa "detalhes" por eliminação

<p>Julio C&eacute;sar chora ap&oacute;s elimina&ccedil;&atilde;o do Brasil da Copa do Mundo.Michael Kooren</p>

Por Pedro Fonseca

PORT ELIZABETH (Reuters) - Sem esconder as lágrimas, Julio César passou sozinho pela zona de entrevistas após a derrota do Brasil para a Holanda. O goleiro não encontrou justificativas. Quase meia hora depois, vieram os outros jogadores brasileiros em bloco, com um discurso uníssono que classificou os erros como "detalhes".

"Perdemos o jogo hoje no detalhe da bola parada. Isso fez com que no final a gente não conseguisse um bom resultado. Copa do Mundo são detalhes, hoje nós erramos dois detalhes", limitou-se a dizer nesta sexta-feira o meia Kaká, que despede-se do Mundial da África do Sul sem ter marcado nenhum gol e com a primeira expulsão pela seleção brasileira no currículo.

Os "detalhes" citados por Kaká são os dois gols marcados pela Holanda no segundo tempo da vitória por 2 x 1, que impôs ao Brasil a segunda eliminação consecutiva de um Mundial nas quartas de final -- assim como na Alemanha há quatro anos.

Emocionado, o goleiro parecia não saber explicar as falhas das duas bolas lançadas para a área. "Agora é tentar justificar para milhões de brasileiros essa derrota. O futebol reserva esses momentos tristes para a gente", afirmou Julio César.

Depois de um primeiro tempo em que foi superior em campo desde o princípio -- abriu o marcador logo aos 10 minutos com Robinho e desperdiçou oportunidades de ampliar -- o Brasil teve na etapa final sua pior atuação no Mundial, com dois gols sofridos e um jogador expulso, o volante Felipe Melo.

Os jogadores brasileiros reconheceram que o time voltou do vestiário desatento, o que resultou num gol contra do próprio Felipe Melo logo aos 8 minutos da etapa final. Após bola cruzada para a área por Wesley Sneijder, o volante desentendeu-se com o goleiro Julio César e tocou de cabeça para seu próprio gol.

"BOBEIRA"

O gol de empate desestabilizou totalmente o time brasileiro, que nunca tinha estado em situação igual antes na Copa do Mundo. A Holanda soube aproveitar-se do momento e chegou ao segundo, numa cabeçada de Sneijder, de 1,70m, após cobrança de escanteio.

"Demos bobeira nos gols, foram mais por vacilos nosso, dois lances de bola parada em que demos uma cochilada," lamentou o volante Gilberto Silva, outro jogador que passou pelos jornalistas chorando. "Normalmente são coisas que não acontecem. É uma lição dura que fica, mas infelizmente agora não tem como voltar atrás", acrescentou o jogador, campeão do mundo em 2002 mas que também estava na derrota do Brasil para a França em 2006.

O jogo contra os holandeses possibilitou à seleção apresentar seu melhor futebol sob comando do técnico Dunga, tentando aproveitar os espaços deixados pelo time adversário quando este ia ao ataque. Dessa forma Robinho abriu o marcador, aos 10 minutos de partida, e a seleção teve chances de aumentar o placar.

No entanto, a equipe não soube lidar com o maior volume de jogo da Holanda depois que o time europeu igualou o marcador, e perdeu completamente qualquer poder de reação quando Felipe Melo levou um cartão vermelho direto após um pisão em Arjen Robben.

"O primeiro tempo foi excelente, depois por dois lances de desatenção tomamos dois gols bobos que custaram a desclassificação. Entramos desatentos no segundo tempo e tomamos dois gols", disse o atacante Robinho, um dos jogadores que passou mais rápido pela zona de entrevistas.

Depois da derrota, os jogadores brasileiros receberam folga até a tarde de sábado, quando voltarão a Johanesburgo para embarcar de volta ao Brasil. No entanto, ninguém deve sair do hotel, de acordo com o chefe de comunicação da seleção, Rodrigo Paiva.

"O clima é muito triste, todo mundo chorou bastante no vestiário. Os jogadores agora só querem encontrar com suas famílias", disse.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below