Uruguaio Abreu se diz chateado com mexicanos que apoiaram Gana

domingo, 4 de julho de 2010 13:02 BRT
 

JOHANESBURGO (Reuters) - O uruguaio Sebastián Abreu se mostrou chateado no domingo ao lembrar que um grupo de torcedores do México, país onde jogou por várias temporadas, apoiou Gana na partida contra a "celeste" pelas quartas de final da Copa do Mundo.

O Uruguai venceu Gana por 4 x 2 nos pênaltis na sexta-feira, após empate em 1 x 1 em 120 minutos de jogo.

"Esperava ter apoio por ser representante latino-americano, mas no outro dia havia muitos mexicanos no estádio torcendo por Gana", disse Abreu a jornalistas após treino do Uruguai.

"Estas são coisas que não entendo mas bom, nós agradecemos àqueles que ficaram felizes com nossa vitória", disse o veterano atacante que tornou-se ídolo das torcidas dos clubes nos quais trabalhou por suas boas atuações, dedicação e espontaneidade.

"El loco" Abreu, de 33 anos, jogou seis temporadas no México, onde representou Tecos, Cruz Azul, América, Dorados, Monterrey, San Luis e Tigres.

O atacante se mostrou feliz com o fato do Uruguai ser o último representante da região na Copa do Mundo.

"Ser a única equipe da América Latina é um orgulho e uma responsabilidade. Nós viemos de uma eliminatória mais difícil, das oito melhores equipes do mundo tinha quatro desta eliminatória, o que mostra claramente que não é fácil classificar na América do Sul", afirmou.

(Reportagem de Javier Leira)