Fifa e revista francesa unificam prêmio para melhor jogador

segunda-feira, 5 de julho de 2010 14:03 BRT
 

JOHANESBURGO (Reuters) - A Fifa revelou nesta segunda-feira um acordo com a revista France Football para apresentar um novo prêmio que combina o "Ballon d'Or", ou Bola de Ouro, com o troféu de Jogador do Ano.

O primeiro prêmio "Fifa Ballon d'Or" será concedido na Suíça no dia 10 de janeiro do ano que vem, disseram autoridades em coletiva de imprensa durante a Copa do Mundo.

"Sou um presidente muito feliz hoje", comemorou o presidente da Fifa, Joseph Blatter, ao assinar o acordo com Marie-Odile Amaury, presidente do grupo que detém a publicação France Football que vinha realizando a premiação anual do Ballon d'Or.

Técnicos e capitães de seleções, assim como profissionais de mídia, votarão para o novo prêmio.

Lionel Messi, da seleção argentina, foi o vencedor deste ano do troféu de Jogador do Ano da Fifa, e o alemão Lothar Matthaeus conquistou o primeiro em 1991. Em 2009 Messi também ganhou a Bola de Ouro, criada em 1956 quando, sob o título de Jogador Europeu do Ano, foi concedida ao inglês Stanley Matthews.

O liberiano George Weah, que já ganhou os dois prêmios, esteve presente ao anúncio desta segunda-feira. Seus palpites para o troféu de janeiro são o holandês Arjen Robben ou o espanhol David Villa.

"Eles não só se saíram bem na Copa do Mundo, mas em seus times também", disse ele.

(Por Andrew Cawthorne)

 
<p>Presidente da Fifa, Sepp Blatter (2o &agrave; dir) com o diretor da France Football, Francois Morinieres, o presidente do Amaury Group, Marie-Odile Amaury, o ex-jogador de futebol George Weah, e o sccret&aacute;rio-geral da Fifa, Jerome Valcke,d epois de assinarem o acordo do 'FIFA Ballon d'Or' (Bola de Ouro) em Johanesbrugo. 05/07/2010 REUTERS/Thomas Mukoya</p>