Sistema de arbitragem irá mudar para próxima Copa, diz Fifa

quinta-feira, 8 de julho de 2010 15:30 BRT
 

JOHANESBURGO (Reuters) - O sistema de arbitragem irá mudar na próxima Copa do Mundo, para a qual se cogita o uso de tecnologia na linha do gol e árbitros extras, disse a Fifa nesta quinta-feira.

"Eu diria que esta é a última Copa do Mundo com o atual sistema de arbitragem", afirmou Jerome Valcke, secretária-geral do organismo, à BBC.

A resistência histórica da Fifa às mudanças parece estar mudando depois dos erros grosseiros cometidos durante o Mundial, sobretudo o gol não-concedido do inglês Frank Lampard contra a Alemanha, quando a arbitragem não viu que a bola ultrapassou a linha, e o gol impedido de Carlos Tevez a favor da Argentina na vitória sobre o México.

Valcke disse que o equívoco em validar o gol de Lampard foi "um dia ruim" para os organizadores.

"Estamos falando de um único gol que o árbitro não viu, e é por isso que estamos discutindo a nova tecnologia", declarou em entrevista á rede de TV britânica.

"Mas vamos ver se esse sistema irá ajudar, ou se dar mais dois pares de olhos ao árbitro facilitará seu trabalho, por que não?"

O uso de dois auxiliares adicionais para verificar a linha do gol e a área de pênalti foi testado na última temporada da Liga Europa e deve ser empregado a partir da última etapa eliminatória da próxima Liga dos Campeões e nas eliminatórias da Euro 2012.

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, se desculpou pelos erros na África do Sul e disse que seria "sem sentido" não reavaliar os méritos da tecnologia da linha do gol, como o sistema Hawk Eye usado no tênis e no críquete.

Valcke disse que a crescente velocidade do futebol moderno apressa a necessidade de mudanças.   Continuação...