Espanha vence Holanda na prorrogação e é campeã do mundo

domingo, 11 de julho de 2010 18:09 BRT
 

JOHANESBURGO (Reuters) - A Espanha é campeã do mundo pela primeira vez. Com um gol de Andrés Iniesta no segundo tempo da prorrogação, a atual campeã europeia derrotou a Holanda por 1 x 0 neste domingo e conquistou a Copa do Mundo da África do Sul.

Depois do empate em 0 x 0 no tempo normal, coube a Iniesta marcar o único gol do jogo no estádio Soccer City a quatro minutos do final.

E a Espanha, após perder a estreia surpreendentemente para a Suíça, completou uma recuperação no torneio, enquanto a Holanda, que eliminou o Brasil nas quartas de final, é vice-campeã pela terceira vez.

Nenhuma das equipes conseguiu dominar o jogo, marcado por muitas faltas que interromperam constantemente o confronto.

Houve lances violentos dos dois lados, e o árbitro inglês Howard Webb mostrou 14 cartões amarelos, nove para a Holanda --que teve um expulso-- e cinco para a Espanha.

Muitas vezes o juiz optou por conversar ao invés de advertir os atletas com cartão, e a única expulsão da partida só aconteceu no segundo tempo da prorrogação, quando Heitinga recebeu o segundo amarelo.

Com a bola rolando, a primeira boa chance foi para a Espanha. Aos 5 minutos, após cobrança de falta, Sergio Ramos cabeceou forte, mas o goleiro Maarten Stekelenburg espalmou.

Os espanhóis, na sua característica principal, tentavam tocar a bola, mas eram bem marcados e diminuíram o ritmo após faltas violentas.

Aos poucos, a Holanda se soltava em campo e tentava o gol em chutes de fora da área de Arjen Robben.   Continuação...