Com fogos e choro, torcedores celebram vitória da Espanha

domingo, 11 de julho de 2010 20:32 BRT
 

Por Mark Elkington

MADRI (Reuters) - Lágrimas de alegria caíram e fogos de artifício voaram pelos ares no céu noturno enquanto torcedores extasiados comemoravam a vitória da Espanha por 1 x 0 contra a Holanda na final da Copa do Mundo neste domingo.

O gol de Andres Iniesta na prorrogação deu início às comemorações. Os milhares que assistiam ao jogo em telões colocados em áreas públicas espalhados pelo país choraram de alegria.

"É muito merecido. É um time muito unido", disse Julio à Reuters em Madrid, enquanto torcedores corriam para as ruas para comemorar. "A Espanha tentou jogar futebol e a Holanda só chutou os adversários", acrescentou.

Mais de 100 mil pessoas lotaram o centro de Madri para assistir ao jogo em telões. Com os rostos pintados em vermelho e amarelo e bandeiras amarradas sobre os ombros, a tensa partida fez as emoções explodirem mais fortes após o final.

Após o capitão e goleiro espanhol Iker Casillas levantar o troféu em Johanesburgo, as festas começaram com força total. Fogos de artifício podiam ser ouvidos por toda Madri, carros passavam pelas ruas com bandeiras tremulando, enquanto jovens e idosos espanhóis corriam para comemorar. As crianças pareciam extasiadas enquanto os mais velhos não encontravam palavras.

"Nós esperamos por muitos anos por algo assim (na Copa do Mundo)", disse Miguel. "Eles são um time verdadeiro e merecem. Iniesta foi o melhor em campo."

Entre a comemoração, uma solitária torcedora da Holanda chamada Anoushka, usando um vestido laranja, disse: "Eu não gostei da maneira que a Holanda jogou. A Espanha mereceu ganhar."

Os espanhóis devem voltar para Madri na segunda-feira e vão desfilar em carro aberto na capital antes de uma festa gigantesca às margens do rio Manzanares.