24 de Julho de 2010 / às 01:20 / em 7 anos

Mano Menezes será novo técnico da seleção brasileira, diz fonte

Por Pedro Fonseca

<p>Mano Menezes, t&eacute;cnico do Corinthians, participa de um treino em Bogot&aacute;, na Col&ocirc;mbia, em mar&ccedil;o. Ele foi convidado nesta sexta-feira pela Confedera&ccedil;&atilde;o Brasileira de Futebol (CBF) para ser o novo t&eacute;cnico da sele&ccedil;&atilde;o brasileira at&eacute; a Copa do Mundo de 2014 e, segundo uma fonte diretamente ligada &agrave; negocia&ccedil;&atilde;o, teria aceitado. 09/03/2010 REUTERS/John Vizcaino</p>

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O técnico do Corinthians, Mano Menezes, aceitou o convite da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para ser o novo técnico da seleção brasileira até a Copa do Mundo de 2014, disse uma fonte diretamente ligada à negociação nesta sexta-feira.

De acordo com a CBF, o treinador foi convidado pelo presidente da entidade, Ricardo Teixeira, e vai anunciar sua resposta de forma oficial numa entrevista coletiva sábado de manhã, após treino do Corinthians, em São Paulo.

“A CBF não divulgaria uma entrevista coletiva para ele dizer não”, disse a fonte sob condição de anonimato.

O próprio Teixeira deixou claro que conta com Mano Menezes como substituto de Dunga. Em nota oficial, o dirigente afirmou que o treinador será o responsável por comandar a equipe no amistoso do dia 10 de agosto contra os Estados Unidos, em Nova Jersey.

“O que determinou a escolha foi o entendimento de que é necessária uma imediata renovação na seleção brasileira, o que o Mano Menezes iniciará já na convocação para o amistoso”, disse Teixeira, referindo-se ao primeiro compromisso do novo treinador brasileiro.

O convite a Mano, de 48 anos, foi feito depois que a confederação fracassou na tentativa de chegar a um acordo com o treinador do Fluminense, Muricy Ramalho, que era a primeira opção da entidade para substituir Dunga.

Muricy, que se reuniu com Teixeira na manhã de sexta-feira para ouvir o convite, decidiu cumprir seu contrato com o Fluminense, que foi renovado recentemente até dezembro de 2012.

“A CBF convidou Muricy Ramalho, nesta sexta-feira pela manhã, para ser o técnico da seleção brasileira. No final da tarde, Muricy Ramalho respondeu dizendo que não poderia aceitar o convite, em virtude de não ter sido liberado pelo Fluminense, o clube com o qual tem contrato”, informou a CBF em nota.

Mano Menezes era o segundo nome numa lista montada pela confederação brasileira ainda na África do Sul, após a derrota para a Holanda nas quartas de final do Mundial. De acordo com nota da CBF, o treinador “se mostrou afinado com o projeto de renovação” da seleção brasileira com vistas à Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil.

“O mais importante na escolha é o senso comum da importância da renovação que será posta em prática. Tenho a absoluta confiança de que esse trabalho será feito com sucesso nessa trajetória que terminará em 2014”, acrescentou Teixeira sobre Mano, que foi citado ainda como atendendo “plenamente ao projeto traçado.”

CURRÍCULO

Luiz Antônio Venker Menezes, o Mano Menezes, nasceu no dia 11 de junho de 1962, em Passo do Sobrado, no Rio Grande do Sul. Formado em Educação Física, o treinador tem um estilo tranquilo fora de campo, mas costuma esbravejar do lado de fora das quatro linhas quando seu time está em ação.

Sua vida no futebol começou como jogador de clubes do interior do Rio Grande do Sul, e assumiu a posição de técnico em 1992, nas categorias de base de equipes do Estado. A estreia como treinador de times principais aconteceu em 1997, no Guarani gaúcho.

O treinador conquistou destaque no cenário nacional quando chegou ao Grêmio, em 2005. No tricolor gaúcho, ele levou o time de volta à Série A do Campeonato Brasileiro em sua primeira temporada e, no ano seguinte, classificou o time para a Copa Libertadores ao terminar em terceiro lugar no Campeonato Brasileiro. Em 2007, ele foi vice-campeão da Libertadores.

Após uma trajetória de sucesso no futebol gaúcho, Mano Menezes aceitou uma proposta do Corinthians para comandar a equipe na segunda divisão nacional, e conseguiu levar o time de volta à elite do futebol brasileiro com a conquista da Série B de 2008.

O primeiro semestre de 2009 foi perfeito para o Corinthians de Mano. Jogando de forma ofensiva, numa formação com três atacantes, a equipe conquistou os títulos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil, mas não conseguiu repetir o bom desempenho no Brasileirão.

Neste ano, a equipe sofreu a decepção da eliminação na Libertadores para o Flamengo, mas conseguiu colocar a derrota para trás e ocupa a segunda posição do Campeonato Brasileiro, com 21 pontos, um atrás justamente do Fluminense, de Muricy.

Como uma das exigências da CBF é ter um treinador exclusivo para a seleção, Mano deve anunciar no sábado, após comandar treino no Corinthians, que vai deixar o clube.

Seu compromisso inicial à frente da seleção será convocar na segunda-feira os jogadores para o amistoso com a seleção norte-americana. A lista será formada principalmente por atletas que atuam no futebol brasileiro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below